[ESPECIAL] ESC2022: O que já sabemos do Festival Eurovisão 2022?

41 países disputam, no próximo mês de maio, a 66.ª edição do Festival Eurovisão, que será realizada em Turim. A cerca de 7 meses do concurso, recorde connosco tudo o que já sabemos sobre o evento.

Depois da vitória de Maneskin e "Zitti E Buoni" em Roterdão, o Festival Eurovisão rumará, em 2022, a Itália, com a 66.ª edição do concurso internacional a ser realizada no PalaOlimpico, em Turim, com a cidade italiana a entrar na lista de cidades que receberam o certame. As semifinais do concurso decorrerão a 10 e 12 de maio, enquanto a Grande Final, que contará com 25 países, será realizada a 14 de maio.

41 países marcarão presença no Festival Eurovisão 2022, com destaque para o regresso da Arménia e Montenegro, países que haviam participado pela última vez em 2019, igualando o registo da edição de 2019. O recorde do número de participantes continua a ser de 43 países, marca alcançada em Belgrado (2008), Dusseldörf (2011) e Lisboa (2018).

Recorde connosco todas as informações dos países que participarão no Festival Eurovisão 2022:

Depois da abertura de inscrições para o Festivali i Kenges, a emissora da Albânia confirmou a participação no Festival Eurovisão 2022, revelando que será representada em Itália pelo vencedor do concurso nacional, tal como acontece desde 2004. As inscrições para o certame decorreram até 15 de outubro, sendo esperado que os apurados para o evento, que decorrerá em dezembro, sejam revelados nos próximos dias. Elhaida Dani, representante do país em 2015, é apontada como uma das potenciais concorrentes.

Alexandra Wolfslat, chefe de delegação do país, foi a responsável pela confirmação da participação da Alemanha no Festival Eurovisão 2021, revelando que os responsáveis pela participação estariam reunidos nos próximos dias para discutir os planos da próxima edição, sendo esperado que haja mudanças no processo de seleção do país para o concurso do próximo ano. Contudo, até ao momento, não foi revelado qualquer detalhe.

Depois da ausência do Festival Eurovisão 2021 devido à pandemia de Covid-19 e aos conflitos armados no país, a Arménia está de regresso ao certame em 2022. Ainda que nenhum detalhe tenha sido revelado para o concurso, Athena Manoukian, vencedora do Depi Evratesil 2020, é apontada como a representante do país em Turim.

Depois de ter ficado de fora da Grande Final pela primeira vez na sua história, a Austrália recuperará o o Eurovision: Australia Decides, final nacional que foi realizada em 2019 e 2020, para a escolha dos seus representantes. O evento contará com dez artistas a concurso, com o vencedor a ser escolhido por um júri (50%) e pelo televoto (50%) numa gala televisionada a 26 de fevereiro, que terá lugar no Centro de Convenções e Exposições de Gold Coast a 26 de fevereiro e que contará com apresentação de Joel Creasey e Myf Warhurst.

A emissora estatal da Áustria não revelou qualquer detalhe sobre a participação no Festival Eurovisão 2022, sendo esperado que os representantes voltem a ser escolhidos internamente tal como acontece desde 2017.

A Ictimai, emissora estatal do Azerbaijão, confirmou, em setembro, a participação do país no concurso internacional, mas não revelou qualquer detalhe sobre o processo de seleção, sendo esperado o recurso a uma seleção interna, algo que tem acontecido desde 2015.

A Bélgica foi o primeiro (e único, até ao momento) a revelar o seu representante no Festival Eurovisão 2022. Jérémie Makiese, vencedor da última temporada do The Voice Belgique, foi o escolhido da emissora belga de língua francesa, RTBF, para o concurso internacional. O tema que defenderá em Turim será escolhido internamente e revelado em 2022.

A Bulgária também não revelou nenhum detalhe sobre a participação no Festival Eurovisão 2022, ainda que a BNT tenha prometido "novos detalhes em meados de setembro" depois de vários encontros com os parceiros para discutir a participação no certame internacional do próximo ano.

A CyBC, emissora estatal de Chipre, ainda não revelou nenhum detalhe sobre a participação, ainda que tenha avançado o desejo de realizar uma final nacional para o certame de 2023. Deste modo, é esperado que os representantes do país sejam escolhidos internamente, com vários rumores a apontarem Tania Breazou como a escolhida para Turim.

A Croácia voltará a apostar no DORA 2022 como final nacional para o Festival Eurovisão 2022. Contudo, apesar do anúncio da HRT, não foi revelado mais nenhum detalhe sobre o concurso que selecionará os representantes croatas em Turim.

A Dinamarca também continuará a apostar no tradicional Dansk Melodi Grand Prix para a escolha dos seus representantes em Turim. A competição dinamarquesa terá lugar a 5 de março, no Jyske Bank Boxen, em Herning, com oito canções na corrida. As inscrições estarão abertas até 29 de outubro, sendo que todos os participantes deverão ter cidadania dinamarquesa ou uma conexão com a Dinamarca, sendo também permitida a participação de residentes nas Ilhas Faroé e na Gronelândia.

Além de recuperar o EMA 2022, a emissora RTVSLO uma série de mudanças no formato que será utilizado como final nacional para o Festival Eurovisão 2022. O EMA Fres, ronda preliminar para novos talentos, contará com 24 participantes, sendo que apenas 4 marcarão presença na fase final do certame, ao lado de 16 artistas consagrados. Com duas semifinais programadas, a Final do certame acontecerá em fevereiro com 12 candidatos, onde o júri e o público selecionarão o vencedor do concurso.

Espanha apostará no Benidorm Fest para a escolha dos seus representantes no Festival Eurovisão 2022, com as inscrições a decorrerem até 29 de outubro. Doze canções serão escolhidas para o evento, sendo que pelo menos duas canções serão apuradas pelo processo público de submissão, com as semifinais e a Grande Final a decorrerem em janeiro. O público e o júri serão os responsáveis pela votação nas três galas do certame espanhol.

A Estónia continuará a apostar no Eesti Laul 2022 como final nacional para o Festival Eurovisão 2022, tendo recebido 202 canções para o certame. Nos próximos dias, um painel de especialistas selecionará 40 canções para o concurso, sendo que existirá um número igual de canções em estónio e em inglês ou bilingue. Os temas escolhidos serão revelados até 27 de outubro, estando as quatro eliminatórias agendadas para 20 e 27 de novembro e 4 e 11 de dezembro. Por sua vez, as semifinais decorrerão a 3 e 5 de fevereiro, estando a Grande Final agendada para 12 de fevereiro.

Uuden Musiikin Kilpailu (UMK) será utilizado como final nacional da Finlândia para o Festival Eurovisão 2022, sendo o 11.º ano consecutivo em que o formato é utilizado pela YLE. As inscrições decorreram até ao passado dia 6 de setembro, permitindo a inscrição de três canções por intérprete. A lista de apurados deverá ser conhecidas nas próximas semanas.

Pelo segundo ano consecutivo, a emissora francesa France 2 apostará no Eurovision France: C'est vous quis decidez 2022 para o Festival Eurovisão 2022. As inscrições para o formato decorrem até 24 de outubro, sendo que todas as canções submetidas para o concurso deverão ser predominantemente em francês e/ou noutra língua regional, incluíndo as línguas dos territórios ultramarinos franceses. Stéphane Bern e Laurence Boccolini serão os apresentadores do concurso.

Geórgia
A emissora da Geórgia não revelou qualquer detalhe sobre a participação no Festival Eurovisão 2022, ainda que tenha confirmado a presença em setembro. Contudo, nas últimas edições, a GPB utilizou a versão local do Ídolos para escolher o seu intérprete no concurso internacional.

Grécia
A emissora da Grécia recebeu 40 propostas de 25 artistas para o Festival Eurovisão 2022, tendo iniciado, esta semana, o processo de seleção interna dos seus representantes. Na primeira fase de seleção serão escolhidas de 3 a 4 canções, sendo que a ERT irá reunir com todos os envolvidos para discutir os detalhes da candidatura. Posteriormente, o painel selecionará os representantes da Grécia em Turim, com a escolha a decorrer até ao final do ano. Elias Kozas (Grécia 2013) e Konstantinos Christoforou (Chipre 1996, 2002 e 2005) estão entre os candidatos.

Irlanda
Pela primeira vez desde 2015, os representantes da Irlanda no Festival Eurovisão 2022 serão escolhidos através de uma final nacional, com as inscrições a terminarem a 22 de outubro. A gala será realizada no The Late Late Show e o regulamento baseia-se nas regras da EBU/UER para o certame internacional. Novos detalhes serão revelados nas próximas semanas.

Irlanda
Após a seleção interna para o concurso de 2021, a Islândia aposta no Söngvakeppnin 2022 para a escolha dos seus representantes para o Festival Eurovisão 2022. A RÚV recebeu 160 temas para a edição, que contará com duas semifinais e uma Grande Final, agendada para 5 de março. Cinco canções estarão a concurso em cada semifinal, sendo que as duas mais votadas conquistarão o apuramento para a Grande Final, que contará ainda com um wildcard e será composta por duas rondas de votação: o júri (50%) e o público (50%) escolhem os dois superfinalistas, com o público a escolher o vencedor do concurso numa nova ronda de votação.

Israel
Depois de dois anos a organizar o processo de escolha, a KAN apostará no The X Factor como processo de seleção dos representantes de Israel para o Festival Eurovisão 2022. Netta Barzilai, vencedora do Festival Eurovisão 2018, é uma das juradas, juntamente com Aviv Geffen, Ran Danker, Miri Mesika, e Margalit Tzanani. O programa estreia em outubro e a canção representante do país será escolhida na Grande Final do formato.

Itália
O país vencedor do Festival Eurovisão de 2021 e anfitrião do concurso de 2022 ainda não revelou nenhum detalhe da sua participação em Turim, sendo bastante provável que o Festival di Sanremo 2022 seja utilizado como plataforma de seleção. O concurso voltará a ser realizado em fevereiro, com a Grande Final a decorrer a 5 de fevereiro, e deverá contar com uma redução do número de participantes na categoria Campioni, cujo vencedor deverá ser convidado para o concurso internacional.

Após a inédita escolha direta de Samanta Tina para o Festival Eurovisão 2021, a emissora estatal da Letónia confirmou o regresso da Supernova para a escolha dos representantes para Turim. As inscrições para o certame decorrem de 7 de outubro a 7 de dezembro, com o regulamento a permitir a entrada de intérpretes e compositores estrangeiros, com as restantes regras a basearem-se no regulamento da EBU/UER para o certame.

Depois de alcançar um dos seus melhores resultados de sempre em Roterdão, a Lituânia voltará a apostar no Pabandom iš naujo! como final nacional para o Festival Eurovisão 2022. As inscrições decorrem até 25 de novembro, sendo que o certame contará com um máximo de 36 participantes em seis galas (três eliminatórias, duas semifinais e a Grande Final). A estreia do formato acontecerá em janeiro.

Macedónia do Norte
A emissora da Macedónia do Norte não revelou nenhum detalhe sobre a participação no Festival Eurovisão 2022, sendo esperado que os representantes do país sejam escolhidos internamente, tal como acontece desde 2016.

Malta
Depois de ter usado o X Factor em 2019 e 2020 e da seleção interna de Destiny em 2021, a emissora de Malta utilizará o Malta Eurovision Song Contest para o Festival Eurovisão 2022. As inscrições para o certame decorrem até 15 de dezembro, sendo que serão escolhidas 26 canções para a semifinal do certame. Contudo, apenas 16 candidaturas disputarão a Grande Final, cuja data ainda não foi revelada pela PBS.

Moldávia
Depois da escolha interna de Natalia Gordienko para Roterdão, a Moldávia deverá voltar a organizar o O Melodie Pentru Europa para o Festival Eurovisão 2022. Contudo, até ao momento, a TRM não revelou qualquer detalhe sobre a participação em Turim.

Montenegro
Fora do concurso desde 2019, Montenegro está de regresso ao Festival Eurovisão 2022, com a RTCG a revelar que, na próxima semana, anunciará o processo de seleção dos seus representantes, bem como a abertura das inscrições, antevendo uma nova edição do Montevizija.

Ass inscrições para o Melodi Grand Prix 2022, final nacional para o Festival Eurovisão 2022, decorreram até ao passado dia 15 de setembro. A NRK confirmou a realização de cinco semifinais, que decorrerão entre 15 de janeiro e 12 de fevereiro, estando a Grande Final agendada para 19 de fevereiro. No entanto, a emissora não revelou nenhum detalhe sobre a dinâmica do concurso deste ano, bem como o local de realização do evento. 

Países Baixos
Os Países Baixos, país anfitrião do Festival Eurovisão 2021, voltará a escolher internamente os seus representantes para o concurso internacional, com as inscrições a terem decorrido até 31 de agosto. Um painel de seleção, que conta com a presença de Jan Smit, apresentador do ESC2021, e Cornald Maas, comentador eurovisivo, será o responsável pela escolha dos representantes, que deverão ser conhecidos em fevereiro ou março.

Polónia
A Polónia deverá voltar a apostar numa seleção interna para o Festival Eurovisão 2022, com a TVP a receber propostas para o concurso internacional até 20 de novembro. No entanto, é esperado que um anúncio oficial aconteça nas próximas semanas.

Portugal
Portugal continuará a apostar no Festival da Canção 2022 como processo de seleção para o Festival Eurovisão 2022. O evento decorrerá em fevereiro e março e contará com 20 candidatos, distribuídos em 2 semifinais, sendo que 16 serão oriundos de convites diretos da RTP, enquanto as restantes vagas serão ocupadas por concorrentes da livre submissão. As inscrições estão abertas até hoje, 21 de outubro, sendo permitida a participação de todos os cidadãos de nacionalidade portuguesa e/ou residentes em Portugal. As canções serão selecionadas até 31 de outubro.

Depois do último lugar na Grande Final em duas edições consecutivas, a emissora estatal do Reino Unido revelou os seus planos para a participação no Festival Eurovisão 2022. Após a colaboração com a BMG para as edições de 2020 e 2021, a BBC trabalhará com a editora global TaP Music, responsável pelas carreiras de Dua Lipa, Lana del Rey e Ellie Goulding, para o concurso internacional do próximo ano, antevendo-se uma nova seleção interna britânica.

A CT voltará a apostar no Eurovision Song CZ 2022 para escolher os seus representantes para Turim. O evento, que será realizado em dezembro, será realizado de forma virtual, com a emissora a gravar as atuações previamente. O vencedor, que será conhecido em dezembro, será determinado por um júri internacional (50%), pelo público internacional (25%) e pelo público checo (25%). Os concorrentes apurados para a fase final serão revelados nas próximas semanas. Mikolas Josef (ESC2018) é um dos potenciais participantes.

A emissora da Roménia realizou um debate televisivo para discutir a participação no Festival Eurovisão, mas nenhum detalhe foi revelado sobre o processo de seleção dos seus representantes para Turim. Contudo, face aos resultados em Roterdão, é provável o regresso da Selectia Nationala.

Depois da realização de uma final nacional para o concurso de 2021, a emissora responsável pela participação da Rússia no Festival Eurovisão 2022 não revelou nenhum detalhe sobre a participação em Turim.

Pela primeira vez desde 2018, São Marino apostará numa final nacional para o Festival Eurovisão 2022. Intitulada Una Voce Per San Marino, a competição serã dividida em duas categorias de artistas: emergentes e consolidados. Depois de uma pré-seleção em dezembro e janeiro, 9 artistas emergentes conquistarão o apuramento para a Final do concurso, a 19 de fevereiro em Dogana, onde estarão também 9 artistas consolidados. Um júri especializado selecionará os representantes do país.

A Sérvia também voltará a apostar no Beovizija como final nacional para o Festival Eurovisão 2022, sendo que o formato poderá ganhar uma nova denominação devido a uma disputa de direitos. A RTS já recebeu mais de 100 canções, sendo que as inscrições estarão abertas até 1 de dezembro. O certame decorrerá em fevereiro nos estúdios da RTS, sendo que a emissora selecionará diretamente um candidato caso a situação pandémica não permita a realização do evento.

Melodifestivalen 2022 será utilizado como final nacional da Suécia para o Festival Eurovisão, com a SVT a receber 2530 canções na livre submissão de temas. O concurso do próximo ano, que será apresentado por Oscar Zia, será composto por seis galas de 5 de fevereiro a 2 de março, data da Grande Final. Ao contrário dos anos anteriores, o Andran Chansen foi substituído por uma quinta semifinal que contará com os terceiros e quartos classificados das galas anteriores, mas que não contará com o tradicional formato de duelos.

As emissoras helvéticas SRF, RTS, RSI e RTR voltarão a apostar numa seleção interna dos seus representantes, com as inscrições a terem estado abertas de 1 a 15 de setembro. Tal como nos anos anteriores, a escolha estará a cargo de dois painéis de jurados, com peso idêntico na seleção final: um painel é constituído por 100 elementos do público e o outro painel é composto por 20 especialistas internacionais da área musical.

Ucrânia
Apesar do fim da parceria com a emissora privada STB, a emissora estatal UA:PBC realizará o Vidbir 2022 como final nacional ucraniana para o Festival Eurovisão 2022, ainda que não tenham sido revelados detalhes do evento. Contudo, a UA:PBC abriu as inscrições para a produção do evento, frisando que o formato estreará até 12 de fevereiro e colocando o dia 4 de março como data limite da Grande Final.
Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL / Imagem: Google / Vídeo: Youtube

2 comentários:

  1. Anónimo08:42

    A Arena nao chama PalaOlimpico, desde 2014 que se chama Pala Alpitour, contudo a EBU continua a referi-la pelo seu antigo nome. Por favor tenham a informação correta para partilhar. 😘

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo

      Obrigado pelo seu comentário bastante pertinente. A EBU/UER não permite o uso de marcas no Festival Eurovisão e para tal denomina o Pala ALpitour por PalaOlimpico nas suas referências oficiais, tal como aconteceu em Lisboa: em momento algum a EBU/UER mencionou que o Festival Eurovisão 2018 foi realizado no Altice Arena, mas sim no Parque das Nações.

      Obrigado pelo seu comentário e espero tê-lo esclarecido

      Eliminar