Slider

ESC2023: Islândia abre inscrições para o 'Söngvakeppnin 2023'

 A emissora islandesa RÚV abriu as inscrições para o Söngvakeppnin 2023, tornando-se no 25.º país confirmado no Festival Eurovisão 2023.


A emissora estatal da Islândia abriu, esta tarde, as inscrições para o Söngvakeppnin 2023, final nacional do país para o Festival Eurovisão 2023, tornando-se no 25.º país a confirmar a participação no concurso internacional do próximo ano. O certame islandês contará com 3 galas (2 semifinais e 1 Final) e contará com 10 canções participantes.

As semifinais - que decorrerão a 18 e 25 de fevereiro - contarão com 5 canções a concurso, sendo que as duas mais votadas conquistarão o apuramento para a Grande Final de 4 de março. No entanto, a emissora RÚV poderá atribuir um wildcard a uma das canções que falharam o apuramento direto para a Grande Final.

As inscrições para a competição abriram hoje, 29 de agosto, e ficarão abertas até 4 de outubro, sendo que o portal de inscrições poderá ser acedido AQUI. Paralelamente às inscrições públicas, a RÚV convidará diretamente compositores e artistas para a competição, sendo que a lista final de concorrentes será revelada em janeiro de 2023.

Ainda sem data, o Festival Eurovisão 2023, que será sediado no Reino Unido, conta com 25 países provisoriamente confirmados na edição: Alemanha, Áustria, Bélgica, Chipre, Dinamarca, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Geórgia, Grécia, Islândia, Israel, Itália, Letónia, Lituânia, Noruega, Países Baixos, Roménia, Reino Unido, São Marino, Sérvia, Suécia, Suíça e Ucrânia. Por outro lado, Andorra, Eslováquia e Luxemburgo já confirmaram que não participarão no concurso internacional do próximo ano, enquanto a Bielorrússia e Rússia também ficarão de fora devido à suspensão imposta pela EBU/UER.

Estreante em 1986, a Islândia conta com 34 participações no Festival Eurovisão, tendo como melhor resultado o segundo lugar alcançado em 1999 e 2009 por Selma e Yohanna, respetivamente. Em Turim, o país foi representado pelas Syster com "Með hækkandi sól", tema que terminou em 23.º lugar na Grande Final com 20 pontos, fruto do 23.º lugar no júri (10) e o 18.º no televoto (10), tendo recebido 6 pontos do júri português.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter Instagram. Visite já!
Fonte: RÚV / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv
0

Sem comentários

Enviar um comentário

Ideas

both, mystorymag

A NÃO PERDER...

TOP
© Todos os direitos reservados
Criado por templatezoo Personalizado por ESC Portugal - PG, 2022.