[IMAGENS] FC2020: Jimmy P. grava 'postcard' em Évora


O compositor e cantor Jimmy P gravou o seu 'postcard' para o Festival da Canção 2020 no Cromeleque dos Almendres em Évora

A RTP revelou, esta manhã, a localização das gravações de mais um postcard para o Festival da Canção 2020. O compositor e cantor Jimmy P rumou ao concelho de Évora para gravar o seu cartão-postal no Cromeleque dos Almendres.
 


Ver esta publicação no Instagram

GRAVAÇÃO DO POSTCARD: Jimmy P foi "Abensonhado" com a composição deste tema para apresentar no dia 29 de fevereiro, na 2.ª semfinal do Festival da Canção deste ano. Mas na verdade os abençoados fomos nós, por podermos dar um passeio de bicicleta bem bonito na gravação deste vídeo de apresentação. • • • Jimmy P é o alter-ego de Joel Plácido. Nasceu no Barreiro, mas a sua vida está associada a várias geografias, nomeadamente Angola (terra natal dos pais), Paris (onde viveu durante a adolescência) e o Porto (onde criou raízes e começou a dar os primeiros passos no mundo das artes do espetáculo). O gosto pelo rap, adquirido no tempo em que viveu em Paris, e a influência de outros estilos musicais despertaram a sua apetência para a música. Após várias interações com outros artistas, seguiu-se um processo de maturação que originou o aparecimento de Jimmy P como artista a solo. Em 2013 editou o seu primeiro álbum “#1”, disco que esteve na base de uma digressão que o levou a percorrer o país de norte a sul e ilhas. Em 2015 regressou com “Fvmily F1rst”. Seguiu-se “Essência” e, depois, “Alcateia” (não um álbum, mas uma mixtape) em março de 2018. Lançou este ano o álbum "Abensonhado", que será comemorado a par dos 10 anos de carreira num concerto no Coliseu do Porto. #festivaldacancao #municipiodeelvas #elvas #rtp
Uma publicação partilhada por Festival da Canção (@festivaldacancao.rtp) a
 
O Cromeleque dos Almendres localiza-se na freguesia de Nossa Senhora de Guadalupe, no concelho de Évora. Constitui-se num círculo de pedras pré-histórico (cromeleque) com 95 monólitos de pedra. É o monumento megalítico do seu tipo mais importante da Península Ibérica, e um dos mais importantes da Europa, não apenas pelas suas dimensões, como também pelo seu estado de conservação. Junto com o menir dos Almendres, localizado nas proximidades, o conjunto é classificado pelo IGESPAR como Imóvel de Interesse Público desde 1974, foi elevado a Monumento Nacional em 2015.

 
Recorde, de seguida, os restantes postcards:


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: RTP / Imagem: Google

Sem comentários