Alemanha: Vencedor do 'Ídolos 2009' fora da corrida pelo Festival Eurovisão


Daniel Schuhmacher foi o quarto cantor a revelar, nas redes sociais, que ficou de fora dos finalistas do 'Unser Lied Für Tel Aviv', final nacional da Alemanha para o Festival Eurovisão 2019.


Depois de Sebastian Schub anunciar a sua desistência e de Nina KutscheraDimi Rompos e Thilo Berndt anunciarem a sua eliminação, o cantor Daniel Schuhmacher, vencedor do Deutschalnd sucht den Superstar, versão alemã do Ídolos, anunciou que ficou de fora das escolhas da NDR para o Unser Lied Für Tel Aviv. "Infelizmente não fiz o suficiente. Já o disse muitas vezes: o meu sonho é representar a Alemanha no Festival Eurovisão" revelou o cantor, que, em 2009, foi líder de vendas na Alemanha, Áustria e Suíça com o lançamento do seu primeiro disco.


A final nacional alemã iniciará nas próximas semanas a procura das canções para o Festival Eurovisão 2019, depois de encerrada a lista de cantores finalistas. Nas semanas seguintes, a NDR organizará uma série de reuniões com o objetivo de selecionar todas as canções, cujo processo deverá terminar antes de janeiro de 2019.

Estreante em 1956, a Alemanha conta com 62 participações no Festival Eurovisião, tendo apenas falhado a edição de 1996, conquistando 2 vitórias: em 1982 e em 2010. Com 340 pontos, pontuação que se traduziu no quarto lugar da Grande Final, o cantor Michael Schulte conquistou o melhor resultado da Alemanha no Festival Eurovisão desde a vitória de Lena Meyer-Landrut em Oslo. A candidatura foi a quarta mais votada do júri (favorita do painel da Dinamarca, Holanda, Noruega e Suíça) e em sexto lugar no televoto (favorita da Dinamarca e Holanda), tendo recebido os 8 pontos do público português.


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem/Vìdeo: eurovision.tv

Sem comentários