Slider

Noruega: Autotune será permitido pela primeira vez no Melodi Grand Prix 2023


Pela primeira vez os concorrentes do Melodi Grand Prix poderão usar autotune durante as suas atuações.


Stig Karlsen, chefe da delegação norueguesa no Festival da Eurovisão, confirmou que o autotune poderá ser usado no Melodi Grand Prix 2023. Segundo Stig Karlsen, "o MGP acompanha o desenvolvimento da indústria de concertos e programas musicais na TV, ao permitir a afinação do vocal principal no MGP 2023".

Atualmente, o autotune não é permitido no Festival Eurovisão da Canção, o que levantou questões sobre o porquê de ser permitido na seleção norueguesa. Stig Karlsen mitigou essas preocupações dizendo que "é absolutamente essencial que os artistas que selecionamos para o MGP estejam em alto nível, mesmo sem afinação. Nos casos em que não sabemos o nível de performance do artista ao vivo, eles são convidados para uma audição".

O Melodi Grand Prix 2023 começa a 14 de janeiro, com a primeira de três semifinais. Os artistas pré-qualificados foram removidos, o que significa que todos os vinte e um artistas competem agora por uma vaga na final. Além disso, o formato de duelos que vinha a ser utilizado nos últimos anos foi também removido. Em vez disso, as três canções mais votados de cada semifinal avançarão para a final.


A Noruega estreou-se no Festival Eurovisão em 1960, e à exceção do ano de 1991, o país tem usado o Melodi Grand Prix como método de seleção dos seus representantes. Até à data, a Noruega conta com 25 presenças no top 10 da competição, com destaque para as vitórias conseguidas nos anos de 1985, 1995 e 2009. Em Turim, a Noruega fez-se representar pelos Subwoolfer e "Give That Wolf A Banana", terminando em 10.º lugar com 182 pontos, fruto do 17.º lugar no júri (36) e o 7.º no televoto (146), tendo sido a nona canção mais votada pelo televoto português.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem: NRK / Vídeo: Eurovision.tv
1
( Hide )
  1. Anónimo18:18

    wtf???isto já é demais....não comecem a parar esta "sueca-americanização" do festival e vão ver onde isto vai acabar.

    ResponderEliminar

Ideas

both, mystorymag

A NÃO PERDER...

TOP
© Todos os direitos reservados
Criado por templatezoo Personalizado por ESC Portugal - PG, 2022.