Slider

ESC2022: Membro da delegação portuguesa com teste positivo à Covid-19

 

Um membro da delegação de Portugal no Festival Eurovisão 2022 testou positivo à Covid-19, revelou a EBU/UER em comunicado oficial

 

A EBU/UER revelou em comunicado que um membro da delegação portuguesa testou positivo ao Covid-19, durante os testes de rotina realizados no Palasport Olimpico, em Turim. O elemento que testou positivo já voltou para o hotel, e encontra-se em isolamento. 

De acordo com o Protocolo de Higiene e Segurança, a restante delegação não é obrigada a realizar quarentena, mas deverá usar máscaras FFP2 dentro e fora da arena. O ensaio de Portugal continuará a ter lugar esta tarde, às 16:20 (hora de Lisboa). 

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter Instagram. Visite já!
Fonte/Imagem/Vídeo: Eurovision.tv

16
( Hide )
  1. Anónimo14:05

    Então e agora???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:05

      Vao fazendo testes, além que podem nem sequer dar positivo os restantes. Visto que eu por exemplo moro com a minha família e só eu é que testei positivo.

      Eliminar
  2. Anónimo14:18

    Poderá acontecer como a Ucrânia no ano passado, se der negativo no PCR pode ensaiar mais tarde no dia

    ResponderEliminar
  3. Anónimo14:31

    Achei estranho elas andarem sem mascara, e a cumprimentar pessoas nas ruas de Turim. Era mais do que previsível isto acontecer. Na Holanda ficaram todos isolados e nem podiam sair do hotel. Os Italianos estão a fazer uma péssima organização, já não bastava o problema com o palco que torna o festival muito mais escuro.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo14:36

    Espero que não é a MARO

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:56

      não é nenhuma das meninas do palco

      Eliminar
    2. Anónimo16:33

      Correção... Afinal foi a Milhanas:(

      Eliminar
  5. Anónimo14:37

    Sendo uma comitiva tão pequena, deve ter infetado os outros todos... veremos nos próximos dias.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo15:11

    Logo vi que era muita descontração em Turim para uma época em que já se esqueceram que o covid ainda existe. Esperemos que Portugal não tenha de concorrer com o vídeo gravado no dia da final do FC. Alguém explica às 6 miúdas que este evento pode catapultar a carreira da Maro, mesmo que ela já seja conhecida por alguns? Tenham cuidado e juízo, não estraguem tudo. E já agora, mais um bocadinho de preparação para as entrevistas, para não parecer demasiado amador.

    ResponderEliminar
  7. Anónimo15:37

    A delegação Portuguesa, incluindo as cantoras, esquecem que não estão ali de férias... devem ser mais responsáveis. É inaceitável esta situação. Concentrem-se no trabalho que foram fazer a Turim ... deviam ter dado uma oportunidade a quem desse valor ao dinheiro do contribuinte... sim somos nós que estamos a pagar isto tudo!

    ResponderEliminar
  8. Anónimo16:10

    Foi a milhanas

    ResponderEliminar
  9. Anónimo16:23

    É a Milhanas que está infetada...

    ResponderEliminar
  10. Anónimo16:57

    @15:37

    No ano passado foram os islandeses que ficaram infetados. Será que os fãs islandeses também reagiram como o anónimo das 15:37? Estou eu aqui a perguntar aos meus botões...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo20:21

      @16:57

      Será que o anónimo das 16:57 paga imposto?... pergunto eu aos meus botões... Já não basta os nossos governantes viajarem para o estrangeiro com os nossos impostos só para umas fériazinhas de borla... E será que os Islandeses gostam de pagar impostos para outros os usufruírem sem responsabilidade? ... Sei lá, pergunto eu aos meus botões...

      Eliminar
  11. Anónimo17:01

    Era bom que esta participação na Eurovisão impulsionasse a carreira não só da Maro (que não precisa, porque já é conhecida), mas também das outras. A Milhanas, por exemplo, cantou muito bem na semifinal do FdC. E as outras também têm muita qualidade.

    ResponderEliminar
  12. Mas houve ou não ensaio?

    ResponderEliminar

Ideas

both, mystorymag

A NÃO PERDER...

TOP
© Todos os direitos reservados
Criado por templatezoo Personalizado por ESC Portugal - PG, 2022.