Slider

Ucrânia: Emissora emite comunicado sobre o 'Vidbir 2022' e anuncia conferência de imprensa


A emissora ucraniana emitiu um comunicado depois da polémica em torno do desfecho do Vidbir 2022 e anunciou uma conferência de imprensa.


A escolha da Ucrânia para o Festival Eurovisão 2022 terminou envolta em polémica, com o grupo Kalush Orchestra a acusar a emissora ucraniana de falsificar os resultados para permitir a vitória de Alina Pash, conforme pode rever AQUI. Depois das declarações públicas dos elementos da banda, a emissora ucraniana recorreu às redes sociais para divulgar um comunicado oficial sobre os resultados do evento.

Conforme se pode ler no documento, a emissora frisa que, durante a divulgação dos resultados, foram reveladas de forma errada os pontos referentes a Michael Soul, Our Atlantic e Barleben e que, por motivos técnicos, a tabela de resultados não foi transmitida, pedindo desculpas aos visados no problema.

Além disso, a emissora garante que pediu uma explicação detalhada à empresa responsável pela contagem dos votos: "O editor, que duplicou os resultados ao ouvido de Timur, misturou também as colunas e começou a ler os resultados não pelo voto do público, mas pelos finais (...) As tentativas de editar o arquivo falharam e a tabela desapareceu novamente. Pedimos desculpas por esses inconvenientes, especialmente à pressão que Timur foi exposto no evento".

Por fim, a Suspilne anunciou uma conferência de imprensa para esclarecer mais dúvidas sobre o evento e a revelação de novos detalhes, contando também com a presença de representantes da PwC Audit Firm, auditora responsável pela recolha e conversão dos resultados. A conferência terá lugar amanhã, 14 de fevereiro, na sede da emissora em Kiev.

Estreante em 2003, a Ucrânia conta com 16 participações no Festival Eurovisão, sendo o único país que nunca falhou o apuramento para a Grande Final, contabilizando também duas vitórias: 2004 e 2016. Em Roterdão, o país foi representado pelos Go_A e "Shum", que terminaram em 5.º lugar com 364 pontos, fruto do 2.º lugar no televoto (267) e do 9.º no júri (97). Em Portugal, a canção foi a segunda mais votada pelo público e a nona classificada no júri nacional, tendo recebido 12 pontos.

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: UA:PBC / Imagem/Vídeo: Eurovision.tv
0

Sem comentários

Enviar um comentário

Ideas

both, mystorymag

A NÃO PERDER...

TOP
© Todos os direitos reservados
Criado por templatezoo Personalizado por ESC Portugal - PG, 2022.