Itália: Amadeus admite mudanças no formato do 'Festival di Sanremo 2022'

 

Amadeus, apresentador e diretor artístico do Festival di Sanremo 2022, revelou algumas das potenciais mudanças para o concurso italiano do próximo ano.

Depois de ter sido confirmado como o responsável pela condução e direção artística da 72.ª edição do Festival di Sanremo, Amadeus revelou, em entrevista ao ADGInforma, algumas das possíveis mudanças no formato do concurso italiano para 2022. Na tentativa de atrair mais público para o concurso, após a perda de cerca de 700 mil espectadores e 7 pontos de quota de mercado, a redução do tempo da transmissão será um dos principais objetivos de Amadeus.

Deste modo, o apresentador e diretor artístico pondera uma redução do número de participantes da categoria Campioni, cujo vencedor é convidado a representar Itália no Festival Eurovisão, e que, em 2021, contou com o número recorde de 26 candidatos. Além disso, Amadeus tenciona eliminar o Prima Festival e anteceder o início da transmissão, o que evitará que a mesma termine durante a madrugada.

Outra das mudanças desejadas por Amadeus é o regresso ao público no Teatro Ariston, com a emissora italiana RAI a garantir que pretende utilizar os passaportes Covid para receber espectadores no recinto do concurso.

Com 46 participações desde 1956, ano de estreia do concurso, Itália é um dos países com melhores resultados no Festival Eurovisão, contando com 3 vitórias e 12 presenças no pódio eurovisivo. Vencedores do Festival di Sanremo 2021, os Maneskin representaram Itália no Festival Eurovisão 2021 com "Zitti E Buoni", tendo alcançado o 1.º lugar na Grande Final com 524 pontos, fruto do primeiro lugar no televoto com 318 pontos e do quarto lugar no júri com 206 pontos.

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: RAI/Imagem/Vídeo: Eurovision

Sem comentários