ESC2021: Bósnia-Herzegovina continua fora do Festival Eurovisão em 2021


A emissora estatal da Bósnia-Herzegovina continua sob sanções da EBU/UER devido às dívidas acumuladas e ficará de fora do Festival Eurovisão em 2021.

Depois de revelar que seria "muito difícil" um possível regresso no ano passado, a emissora estatal da Bósnia-Herzegovina confirmou, esta tarde, que não marcará presença no concurso internacional pelo quinto ano consecutivo. A ausência do concurso está também relacionada com as sanções impostas pela EBU/UER ao organismo público do país devido às dívidas acumuladas.

Até ao momento, 36 países confirmaram provisoriamente a participação no Festival Eurovisão 2021: Alemanha, Albânia, Arménia, Austrália, Áustria, Azerbaijão, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Geórgia, Grécia, Islândia, Israel, Itália, Letónia, Lituânia, Macedónia do Norte, Malta, Moldávia, Noruega, Países Baixos, República Checa, Roménia, Rússia, São Marino, Sérvia, Suécia, Suíça e Ucrânia. Por outro lado, Andorra, Bósnia-Herzegovina, Eslováquia, Luxemburgo e Mónaco estão oficialmente de fora do evento. 

Estreante em 1993, a Bósnia-Herzegovina participou em 19 ocasiões no Festival Eurovisão, conquistando o 3.º lugar em 2006, o melhor resultado da sua história. Contudo, em 2013, o país retirou-se do concurso alegando problemas financeiros da emissora nacional BHRT. Desde então, a Bósnia-Herzegovina apenas participou em 2016: a candidatura de Dalal & Deen feat. Ana Rucner & Jala com  "Ljubav je" reuniu patrocínios suficientes que cobrissem todos os gastos da emissora no concurso. No entanto, pela primeira vez na história do concurso, o país falhou o apuramento, terminando em 11.º lugar na semifinal. Recorde, de seguida, a participação:



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCTODAY / Imagem/Vídeo: Eurovision.tv

Sem comentários