[ZONA DE DISCOS #128] zalagasper ‎– "4"


Todas as semanas no ESCPORTUGAL, a crítica aos álbuns editados por artistas que participaram no concurso Eurovisão da Canção e/ou seleções nacionais ao longo dos anos. 
Esta semana, a análise recai no novo disco dos zalagasper.
O responsável da rubrica é Carlos Carvalho.


Lançamento: 14 de fevereiro de 2020
Nota: 8/10

Exatamente um ano depois do EP “Štiri”, o duo esloveno lançou, no dia dos namorados de 2020, o seu primeiro longa duração intitulado “4”. Os jovens Zala e Gašper continuam fiéis ao seu conceito artístico. Dado que a distância temporal de abril de 2020 a maio de 2019 não é muito acentuada, o duo encontra-se ainda na fase de ascenção e a sua postura poderá ainda confundir quem os ouve e vê pela primeira vez. Tal como escrevemos na Zona de discos #114, as noções de naturalidade e simplicidade que tentam passar podem ser facilmente confundidas com ausência de química ou, mais grave ainda, falta de profissionalismo. No entanto, se prestarmos atenção a todo o trabalho, não só a nível de áudio, mas também em vídeo, somos forçados a render-nos às evidências: o duo zalagasper tem um concepção musical e visual bastante apurada e peculiar, desenvolvendo-a a cada novo single, num compasso temporal que, para já, desde setembro de 2017, tem sido bastante regular.
Num primeiro impacto, este álbum causa-nos o mesma sensação do EP, ou seja, os temas valem a nível individual, mas para desfrutar de um conjunto de canções dos  zalagasper precisamos de uma dose reforçada de cafeína. Poderá ser falta de hábito da nossa parte ou o grupo precisa mesmo de um abanão? Talvez um pouco dos dois, isso porque se realmente nos dedicarmos ao trabalho dos Zalagasper com uns bons phones o disco consegue abstrair-nos do nosso quotidiano, levando-nos a querer prestar atenção a todos os detalhes electro sónicos e às suas melodias algo sussurradas, taciturnas e introvertidas. Mas também o duo precisa de um abanão e, por isso mesmo, o atual single, “box”, é uma boa surpresa.
O álbum recupera todos os temas do EP anteriormente referido – incluindo a proposta eurovisiva “Sebi” – apresentando-os por ordem cronológica. Também como nota importante é o facto de que “Sebi” é, até o momento, o último single cantado em esloveno. Após a Eurovisão, o duo tem optado pela língua inglesa.
Muito curioso em relação ao futuro deste jovem duo.

Vídeos promocionais
 
Valovi


Baloni


S teboi


Sebi


Come to me

Signals

Box

Alinhamento
Valovi
Baloni
S teboi
Sebi
Novo Sonce
Come to me
Signals
Me and my boi
Box
Hazey

Temas destacados por Carlos Carvalho: “Valovi”; “Box” e “Novo Sonce”


 

A ver

EMA 2020: ZALAGASPER - ME & MY BOI


Pode ouvir o disco AQUI.
Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: OPINIÃO CARLOS CARVALHO / Imagem: GOOGLE / Vídeo: YOUTUBE

Sem comentários