Itália: Câmara Municipal de Turim discute financiamento para o Festival Eurovisão 2022

 A Câmara Municipal de Turim discute, esta quarta-feira, o financiamento de 2 milhões de euros para o Festival Eurovisão 2022.


Depois da cidade ter sido oficialmente apresentada como anfitriã do Festival Eurovisão de 2022, a Câmara Municipal de Turim vota esta quarta-feira, 13 de outubro, o financiamento do concurso internacional. A proposta que será discutida pelos eleitos da cidade contempla o financiamento do concurso com um total de 2 milhões de euros dos fundos camarários, sendo esperado que a resolução seja aprovada com maioria numa primeira instância.

Contudo, o concurso internacional contará ainda com vários apoios monetários de outras entidades. A Região de Piemonte fornecerá também 2 milhões de euros para o concurso, enquanto a Câmara de Comércio, a Compagnia di San Paolo e a Fundação Crt já confirmaram a quantia de meio milhão de euros. Por sua vez, a Iren fornecerá 1 milhão de euros para a organização do concurso, que contará com um total de 7 milhões de euros de financiamento, com o restante a ser suportado pela RAI, pelos patrocinadores do evento e pela EBU/UER. De realçar que, as últimas edições do concurso, tiveram um custo entre 13,5 e 40 milhões de euros.


Com 46 participações desde 1956, ano de estreia do concurso, Itália é um dos países com melhores resultados no Festival Eurovisão, contando com 3 vitórias e 12 presenças no pódio eurovisivo. Vencedores do Festival di Sanremo 2021, os Maneskin representaram Itália no Festival Eurovisão 2021 com "Zitti E Buoni", tendo alcançado o 1.º lugar na Grande Final com 524 pontos, fruto do primeiro lugar no televoto com 318 pontos e do quarto lugar no júri com 206 pontos.

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix/Imagem/Vídeo: Eurovision

Sem comentários