Reino Unido: Gravadoras recusam convite da BBC para participar no Festival Eurovisão 2022

Várias gravadoras terão recusado o convite da emissora britânica BBC para participar no Festival Eurovisão 2022. A BMG, responsável pela participação em Roterdão, é uma das que recusou o convite.


No último lugar da Grande Final pelo segundo ano consecutivo, a emissora estatal do Reino Unido terá iniciado recentemente os trabalhos para o Festival Eurovisão 2022, apesar de não ter confirmado publicamente a sua participação. Contudo, segundo o Mail on Sunday, as gravadoras britânicas contactadas pela BBC para a participação no certame internacional terão recusado o convite, sobre o pretexto de que "existe um preconceito anti-britânico na competição".

A BMG, com quem a BBC fez um acordo para a participação no Festival Eurovisão 2020 e, posteriormente, 2021, terá sido uma das gravadoras que recusou o convite: "A gravadora BMG é uma das empresas que se recusou a nomear participantes para a competição do próximo ano. Outras gravadoras importantes também acreditando que os países europeus têm uma imagem negativa para com os artistas britânicos e recusam-se a participar após o resultado deste ano" avança fonte próxima do jornal, afirmando que o boicote poderá levar a BBC a financiar e coordenar todo o processo da participação em Itália.

Estreante em 1957, o Reino Unido conta com 63 participações no Festival Eurovisão, destacando-se as cinco vitórias (67/69/76/81/97), bem como outras 18 posições no pódio da competição. James Newman foi escolhido internamente para representar o Reino Unido no Festival Eurovisão 2021 com "Embers" tendo terminado a competição em 26.º (e último) lugar sem qualquer pontuação, sendo a primeira vez que tal acontece depois do sistema de votação em 2016.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: EurovisionFun / Imagem: Google / Vídeo: Eurovision.tv

2 comentários:

  1. Anónimo19:39

    LOL
    Os britânicos com a mania de se armar em vítimas, as músicas que têm enviado nos ultimos anos são horríveis e os processos de seleção pior são.
    Se as gravadoras não querem participar a BBC que abra a seleção nacional a quem queira participar, tenho a certeza que há imensos artistas indie que iriam adorar ter uma oportunidade para brilhar na Eurovisão

    ResponderEliminar
  2. Temos pena mas a cada um a sua dor. Tem calhado aos britânicos mas não têm chorado sozinhos.

    ResponderEliminar