[ESPECIAL] Quais foram os distritos que mais votaram nas Doce no Festival da Canção?

 No dia em que "Bem Bom", o filme biográfico da banda, chega às salas de cinema, o ESCPORTUGAL convida-o a recordar as quatro participações das Doce no Festival da Canção. Qual terá sido o distrito que mais votou na girl band portuguesa?


Fátima Padinha, Laura Diogo, Lena Coelho e Teresa Miguel formaram, no final de 1979, aquela que foi a girl band mais conhecida em Portugal: as Doce. No dia em que o filme biográfico da banda chega às salas de cinema com o nome do tema que o grupo levou ao Festival Eurovisão de 1982, o ESCPORTUGAL convida-o a recordar as quatro participações das Doce no Festival da Canção: "Doce", "Alibabá", "Bem Bom" e "Barquinho da Esperança" foram os temas que levaram ao concurso nacional.

A estreia das Doce no Festival da Canção aconteceu com o tema homónimo que foi escrito e composto por Pedro Brito e Tozé Brito. Depois do terceiro lugar na semifinal, onde ficaram atrás das propostas de Dina e "Bric-A-Brac", as Doce alcançaram o 2.º lugar na Grande Final do Festival da Canção 1980, edição que marcou o início das transmissões regulares a cores da RTP. O grupo foi o favorito dos júris do Funchal, Leiria e Lisboa totalizando 68 pontos, insuficientes para alcançar os 92 pontos amealhados por José Cid.

No ano seguinte, as Doce chegam ao Festival da Canção com "Ali-bábá (Um homem das arábias)", tema de Nuno Rodrigues e António Pinho, sendo apontadas como as grandes favoritas ao triunfo. No entanto, a formação termina a competição no 4.º lugar com 128 pontos, recebendo apenas a pontuação máxima de Lisboa, ficando atrás das canções interpretadas por Carlos Paião, José Cid e Maria Guinot.

Em 1982, pelo terceiro ano consecutivo, a formação participa no Festival da Canção, desta vez com "Bem Bom", canção de António Pinto, Pedro Brito e Tozé Brito. Com 182 pontos oriundos dos 22 júris distritais, com destaque para as seis pontuações máximas, a girl band consegue o passaporte para o Festival Eurovisão, vitória que apenas foi confirmada na última votação com apenas 6 pontos de vantagem sobre Cândida Branca Flor e "Trocas e Baldrocas". Em Harrogate, a banda portuguesa fica em 13.º lugar (entre 18 países) com 32 pontos, com destaque para os 7 pontos recebidos do Luxemburgo.

Depois de um ano de interregno, as Doce regressaram ao Festival da Canção em 1984, naquela que seria a sua última participação. Com "O Barquinho da Esperança", tema de Pedro Ayres Magalhães e Miguel Esteves Cardoso, o grupo falhou o apuramento para a SuperFinal da competição ficando em 11.º lugar na Final, que aconteceu na mesma noite, com 2 pontos: apenas Jorge Costa Pinto e Tomás Taveira, dois dos dezoito jurados da competição, colocaram a banda no lote de seis finalistas.

Off Topic: Em 1986, Fátima Padinha, que abandonara a banda para uma carreira a solo e que foi substituída por Fernanda de Sousa (artisticamente conhecida como Ágata), participou no Festival da Canção com "Uma Balada de Amor", canção de Paulo de Carvalho e Helena Isabel, submetida pelo Centro de Produção de Lisboa. No entanto, a canção ficou de fora dos superfinalistas, não tendo sido revelada a classificação da edição.

Recordadas as quatro participações das Doce no Festival da Canção, fica a questão: qual o distrito que mais pontos deu à girl band? E o que menos pontuou? O ESCPORTUGAL pôs mãos à obra, e com ajuda do arquivo da RTP, traz-lhe toda a contabilidade das Doce no concurso nacional. Contudo, antes da apresentação dos números, há que recordar os sistemas de votação: em 1980, os 22 júris distritais pontuavam apenas 5 das 9 canções a concurso de 5 a 1 ponto, enquanto nos dois anos seguintes foi utilizado o sistema eurovisivo, com os 22 painéis a pontuarem dez das doze canções a concurso. A excepção foi em 1984 quando a RTP optou por um painel de 18 entidades, ficando esta participação fora da contabilidade deste artigo. Ora vejamos:

Em 1980, "Doce" foi pontuada por 19 dos 22 distritos, ficando a zeros na votação de Braga, Bragança e Ponta Delgada. Por outro lado, Leiria e Lisboa colocaram a banda como vencedora do concurso, seguida dos segundos lugares alcançados em Angra do Heroísmo, Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Guarda, Horta, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo e Vila Real. No final, a banda ficaria com 68 pontos.

No ano seguinte, "Ali-bábá (Um homem das arábias)" também fora pontuado por 19 dos 22 distritos, com Angra do Heroísmo, Évora e Ponta Delgada a colocarem a canção nas últimas duas posições. Em sentido inverso, Lisboa deu a vitória à formação feminina, que ficou em segundo lugar nos júris de Aveiro, Beja, Bragança e Vila Real, terminando o concurso com 128 pontos.

Por fim, no ano da vitória, "Bem Bom" ficou no top10 dos 22 júris distritais, sendo que as piores classificações foram oriundas de Santarém, com apenas 2 pontos, e de Aveiro e Beja, com 3 pontos. Por outro lado, a banda conseguiu a pontuação máxima de 6 distritos (Braga, Funchal, Guarda, Leiria, Portalegre e Vila Real) e o segundo lugar em outros 5 (Castelo Branco, Coimbra, Lisboa, Porto e Viseu), vencendo o concurso com 182 pontos, correspondente a 68,9% dos pontos possíveis.

Deste modo, somadas as três participações da banda, o distrito que mais pontuou as Doce no concurso foi Lisboa com 27 dos 29 pontos, atribuindo a vitória nos concursos de 1980 e 1981 e o segundo lugar no certame de 1982. Vila Real (26), Leiria (25), Guarda (23), Funchal (22) e Portalegre (21) seguem-se na tabela, enquanto Ponta Delgada ocupa a última posição com apenas 6 pontos, pontuação que foi dada em 1982. 

Pontos recebidos pelas Doce no Festival da Canção por distrito:

1.º Lisboa - 27 pontos (5+12+10)
2.º Vila Real - 26 pontos (4+10+12)
3.º Leiria - 25 pontos (5+8+12)
4.º Guarda - 23 pontos (4+7+12)
5.º Funchal - 22 pontos (5+5+12)
6.º Portalegre - 21 pontos (3+6+12)
7.º Coimbra - 19 pontos (4+5+10)
8.º Setúbal - 18 pontos (4+6+8)
9.º Viana do Castelo - 18 pontos (4+8+6)
10.º Aveiro - 17 pontos (4+10+3)
11.º Horta - 17 pontos (4+6+7)
12.º Castelo Branco - 16 pontos (4+2+10)
13.º Faro - 16 pontos (2+8+6)
14.º Braga - 16 pontos (0+4+12)
15.º Bragança - 16 pontos (0+10+6)
16.º Porto - 15 pontos (3+2+12)
17.º Beja - 14 pontos (1+10+3)
18.º Viseu - 13 pontos (1+2+10)
19.º Santarém - 12 pontos (3+7+2)
20.º Angra do Heroísmo - 11 pontos (4+0+7)
21.º Évora - 10 pontos (4+0+6)
22.º Ponta Delgada - 6 pontos (0+0+6)

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL/Imagem/Vídeo: RTP

2 comentários:

  1. Anónimo09:35

    Bem Bom é classico e eu adoro, mas sempre pensei que Ali Ba Ba no Eurovision seria uma coisa inesquecível e podia trazer a Vitoria. As Doce came from the future. Quatro Lady Gagas antes da Lady Gaga.

    ResponderEliminar