JESC2021: Dinamarca continua fora do Festival Eurovisão Júnior em 2021

 


Dezasseis anos depois da retirada, a Dinamarca confirmou que continuará fora da lista de participantes do Festival Eurovisão Júnior 2021.



Apesar dos esforços da EBU/UER para o regresso da Dinamarca ao Festival Eurovisão Júnior, a emissora dinamarquesa DR revelou que não estará representada na edição de 2021, que terá lugar em Paris. De realçar que, em 2018, quando Jon Ola Sand apelou publicamente ao regresso do país, Jan Lagermand Lundme, chefe de entretenimento da DR, minimizou a probabilidade do país regresso ao concurso: "Nunca digo nunca, mas enquanto o concurso for como é agora definitivamente não iremos competir novamente (...) valores que, na Dinamarca, colocamos num programa de crianças não combinam com os valores do JESC... Parece que colocam crianças a agir como adultos e isto, pensamos, é totalmente errado. As crianças devem ser crianças e não devem esforçar-se para ser algo que não são".

O Festival Eurovisão Júnior 2021, que terá lugar em Paris, conta com oito países oficialmente confirmados: Alemanha, França, Irlanda, Geórgia, Países Baixos, Polónia, Portugal e Rússia. Portugal será representado por Simão Oliveira, vencedor do The Voice Portugal Kids, sendo o único artista já confirmado no formato. Espanha manifestou intenção em participar na edição, mas a participação não foi ainda oficializada, enquanto a Bulgária, Dinamarca, Noruega, País de Gales e Suíça revelaram que não estarão a concurso na edição de 2021, depois de terem participado em edições anteriores.

Anfitriã da primeira edição do Festival Eurovisão Júnior em 2003, a Dinamarca participou nas três primeiras edições do concurso infantil. Com dois quintos lugares em 2003 e 2004, o melhor resultado do país aconteceu em 2005 quando Nicolai Kielstrup e "Shake Shake Shake" subiram ao 4.º lugar da geral com 121 pontos, ficando a 2 pontos do pódio.



Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurofestivales / Imagem: DR / Vídeo: Youtube

Sem comentários