[AT] ESC2021: Conheça as audiências da Final do Festival Eurovisão 2021


 Já são conhecidos os resultados audimétricos de alguns canais que transmitiram a Grande Final do Festival Eurovisão 2021.


A Alemanha perdeu audiência no Festival Eurovisão 2021, com a transmissão a ser acompanhada por 7,7 milhões de espectadores nos dois canais que transmitiram o concurso: 6,54 milhões acompanharam na Das Erste, com uma quota de mercado de 26,7%, e 1,2 milhões assistiram na ONE, com uma participação de 4,9%. Apesar da quebra de 340 mil espectadores comparativamente com 2019, o concurso conquistou 31,4% de share na faixa etária dos 14 aos 49 anos.

Na Austrália, o concurso foi acompanhada por 288 mil espectadores na SBS, com 165 mil a acompanhar a repetição do programa, enquanto 123 mil acompanharam o evento ao vivo. Comparativamente a 2019, a audiência sofreu uma quebra de 20%.

Na Áustria, a Final do Festival Eurovisão 2021 foi acompanhada por 596 mil espectadores na ORF Eins, sendo o valor mais baixo desde 2013, ano em que o país também falhou o apuramento para a gala final da edição.

Em Chipre, cerca de 173 mil espectadores acompanharam a transmissão da Grande Final do Festival Eurovisão 2021, representando cerca de 20,7% da população. O programa foi o mais visto da semana no país, registando um share de 62,8% na RIK1. Comparativamente a 2019, o programa perdeu cerca de 7 mil espectadores e 7% de quota de mercado.

Na Dinamarca registou uma quebra superior a 50% nas audiências do Festival Eurovisão quando comparado a 2019. O concurso do passado sábado foi acompanhado por 533 mil espectadores, menos 562 mil do que a edição de Telavive, sendo a pior transmissão eurovisiva desde 1992. 

Em Espanha, a La 1 registou o número mais baixo de espectadores desde 2017, sendo o segundo pior registo dos últimos dez anos. Em média, 4 milhões e 71 mil espectadores assistiram ao programa com uma quota de mercado de 29,4%, a maior marca do dia. Com excepção de 2017, este foi o pior registo audimétrico de Espanha desde 2007, quando apenas 3,3 milhões acompanharam os D'Nash em Helsínquia, enquanto 2018, com 7,1 milhões, continua a liderar os registos dos últimos anos.

Fora da Grande Final, a Estónia registou o pior resultado audimétrico da história do concurso, com 145 mil espectadores a acompanharem a gala, menos 3 mil do que o antigo pior registo. No entanto, a gala conquistou um share de 45,3%, enquanto o rating não foi além dos 11,9%.

Na Finlândia, a transmissão do Festival Eurovisão 2021 conquistou um dos melhores resultados de sempre do concurso. Em média cerca de 1 milhão e 400 mil espectadores acompanharam a Grande Final do concurso, sendo o melhor resultado audimétrico desde 2007, ano em que o concurso foi sediado em Helsínquia.

Segunda classificada no Festival Eurovisão 2021, a França registou a maior audiência do concurso internacional desde 2009 com mais de 5 milhões e 492 mil espectadores a acompanharem a transmissão televisiva. Com mais de 31,4% de share, este é o segundo melhor resultado de França nos últimos 20 anos, sendo ultrapassado pelos 5,7 milhões de pessoas que acompanharam a participação de Patricia Kaas em Moscovo.

Na Grécia, mais de 2 milhões e 35 mil espectadores acompanharam a prestação de Stefania na Grande Final do certame com uma quota de mercado de 49,4%. Esta foi a maior audiência registada pela ERT desde o Festival Eurovisão de 2014.

Em Itália, país vencedor do concurso internacional deste ano, a RAI1 alcançou dois novos recordes eurovisivos com 4,5 milhões de espectadores a acompanharem a transmissão televisiva, com uma quota de mercado de 25%. Em 2017, o concurso havia sido acompanhado por 3,7 milhões (20,17% de share) enquanto, em 2019, Mahmood foi visto por 3,5 milhões (19,7%).

A Lituânia registou a sua maior audiência de sempre com a Final do Festival Eurovisão 2021 a ser acompanhada por 997 mil espectadores, sendo 897 mil através da TV LRT e 100 mil pela transmissão online.

Na Noruega, mais de 1 milhão e 400 mil espectadores acompanharam a Grande Final do Festival Eurovisão 2021, sendo o melhor registo desde 2015. A quota de mercado foi de 86%, a maior registada até ao momento e a maior do país desde 2010, ano em que organizou o evento em Oslo.

Nos Países Baixos, mais de 5,4 milhões de espectadores acompanharam o Festival Eurovisão sediado em Roterdão. Comparativamente a 2019, ano em que o concurso foi acompanhado por 4,4 milhões de telespectadores, o concurso aumentou 23,4% nas audiências, registando 8,8 milhões de espetactores aquando do pico da audiências. Em termos de share, o programa registou 78,5%, o melhor resultado dos últimos 20 anos.

Fora da Final pela terceira edição consecutiva, a Polónia contou com mais de 1 milhão e 500 mil espectadores na transmissão da Grande Final do Festival Eurovisão 2021 na TVP1, TVP Polonia e TVP HD. O programa registou 16,3% de quota de mercado, tendo registado 2 milhões de espectadores no pico da transmissão. Comparativamente a 2019, o programa recolheu mais 500 mil espectadores e subiu 4% de share.

Em Portugal, a Final do Festival Eurovisão 2021 foi líder de audiências com 1 milhão e 200 mil espectadores em média a acompanhar o concurso, terminando com mais de 1,4 milhões a acompanhar os resultados dos The Black Mamba. Saiba mais AQUI.

Apesar do último lugar na classificação, o Reino Unido registou o melhor resultado audimétrico dos últimos anos com o Festival Eurovisão 2021. A Final foi vista por 7 milhões e 400 mil espectadores, mais 500 mil que no ano passado, sendo o melhor resultado desde 2014, ano em que 8,8 milhões de pessoas acompanharam o evento. O programa de ontem teve um pico de audiência de 8,4 milhões e uma quota de mercado de 48,5%, a maior desde 1999.

Na Roménia, a Final do Festival Eurovisão 2021 foi acompanhada por 178 mil espectadores na TVR1, sendo o 7.º programa mais visto do horário. Apesar de ter subido 31 mil espectadores comparativamente ao ano passado, é o terceiro pior registo audimétrico do concurso na Roménia que, antes de 2016, ultrapassava a barreira de 1 milhão de telespectadores.

A transmissão do Festival Eurovisão 2021 na Sérvia foi acompanhada por 1 milhão e 162 mil espectadores, sendo o melhor resultado audimétrico desde 2012. O programa registou 43,1% de share, tornando-se no programa mais visto da semana.

Na Suécia, mais de 2,9 milhões de telespectadores acompanharam a Final do Festival Eurovisão 2021, marcando um aumento de 400 mil espectadores comparativamente à edição de 2019, que conquistara o pior registo desde 2010. O programa foi o mais visto do dia no país, registanto também um aumento de 43 mil pessoas a acompanhar a transmissão online.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem: Google / Vídeo: Eurovision.tv

5 comentários:

  1. Anónimo11:55

    Os franceses este ano queriam mesmo a vitória. Mas Itália também já andava atrás dela há alguns anos. E todos sabemos que há muitos jogos de bastidores a ajudar. Não é pir acaso que vieram dizer q a RAI estava completamente disposta a organizar o festival para o ano.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exato! Só pelo facto da Itália ter ficado no top 5 dos júris, coisa inédita com canções rock, já deu para perceber que houve ali alguns pózinhos de perlimpimpim. Até aqui,os júris tinham aversão a rock. Muito estranho!

      Eliminar
    2. Outros países levaram canções rock sem grande sucesso! Muitas vezes nem da meia final passaram (veja-se a Suíça em 2018). Mas por Itália até pode ir uma porta ou um reposteiro a fazer que cantam que o resultado será sempre ótimo!

      Eliminar
  2. Pois é! Não há coincidências!

    ResponderEliminar
  3. Percebi que para a obtenção do resultado final os pontos das Audiências Nacionais e dos Júris Nacionais foram combinados de acordo com a proporção 33,3% / 66,7%, ou seja um terço / dois terços.
    Ou seja, o peso do Júri Nacional é metade do das Audiências Nacionais.
    Era bom, a favor da transparência ao nível das regras e da sua percepção atempada aquando da sua aplicação, que a EBU/UER divulgasse, não só o peso relativo do Júri Nacional e das Audiências Nacionais, mas também se e como evoluiu desde que instituído. Seria também interessante conhecer os valores absolutos do nº obtido das Audiências Nacionais, por país/canção.

    ResponderEliminar