[Rumo a Roterdão] Emmy: "Adoro todas as oportunidades que a tecnologia permite usar em palco"



A cantora Emmy faz, este ano, a sua estreia na corrida para representar a Noruega no Festival Eurovisão 2021. ESCPORTUGAL esteve à conversa com a vencedora da terceira semifinal da competição norueguesa na rubrica Rumo a Roterdão.

Após cinco semifinais e uma gala de repescagem, a Noruega prepara-se para escolher os seus representantes para o Festival Eurovisão 2021 com a realização da Grande Final do Melodi Grand Prix 2021. Depois de Atle Pettersen, Stavangerkameratene e Blasemafian, o ESCPORTUGAL esteve à conversa com Emmy, vencedora da terceira semifinal do concurso,  na rubrica Rumo a Roterdão.

E a carreira musical de Emmy começou logo bastante cedo: "Quando tinha 7 ou 8 anos, comecei a compor as minhas canções" revelou, destacando a participação no Melodi Grand Prix Junior, "Entrei no MGPJr com a minha canção «Aiaiaiai» e terminei nas quatro primeiras posições. Terminei a competição nas primeiras quatro posições. Seguidamente, compus e produzi mais canções. Cantei e atuei, também, em alguns concertos. Finalmente, chegou o momento de participar no Melodi Grand Prix, com a canção “Witch Woods”, escrita por alguns grandes compositores. Tem sido um sonho".

Questionada sobre as suas memórias eurovisivas, Emmy mencionou a vitória de Dima Bilan em Belgrado: "As minhas primeiras memórias do Festival Eurovisão da Canção remontam a 2008, quando a Rússia venceu a competição. Foi a primeira vez, pelo menos que me recorde, que assisti à final com a minha família." garantindo que a paixão pelo Festival Eurovisão nunca diminuiu o que levou a aceitar o convite da NRK, "Quando a NRK me contactou e convidou, fiquei muito feliz e nem pensei duas vezes".

A cantora está a concurso com "Witch Woods", canção que descreve como "especial e emocionante, bem como uma boa mistura entre algo engraçado e algo assustador". Sobre a possibilidade de representar a Noruega no Festival Eurovisão, Emmy admite que "nunca pensei que isso possa acontecer... mas se acontecer, penso que iriam haver algumas mudanças".

Sobre a realização do concurso em plena pandemia, Emmy elogia o trabalho de todos os envolvidos para a realização do mesmo: "Adoro a oportunidade que a tecnologia nos dá e que permite que haja Festival Eurovisão, ainda que com uma pandemia a decorrer. Penso que os artistas que irão atuar sem público conseguirão arranjar uma forma de imaginar que os seus lindos fãs estarão presentes.".

 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL /Imagem: Google / Vídeo: Youtube

Sem comentários