[ESPECIAL] FC2021: Quem são os intérpretes da semifinal 2 do Festival da Canção 2021?

Dez candidaturas disputam, a 27 de fevereiro, a segunda semifinal do Festival da Canção 2021,  com os cinco mais votados a conquistarem o apuramento para a Grande Final. Conheça connosco quem são os intérpretes das dez canções.


Com o aproximar das datas das semifinais o Festival da Canção 2021, o ESCPORTUGAL apresenta uma curta biografia de cada um dos responsáveis pela defesa dos temas que estarão na corrida para representar Portugal no Festival Eurovisão 2021. Na segunda parte, conheça connosco os dez artistas a concurso na semifinal 2 do Festival da Canção 2021, agendada para 27 de fevereiro.

 Recorde AQUI a primeira parte.


Ana Tereza

Ana Tereza tem 24 anos e nasceu em Faro. Começou o seu trajeto musical aos 8 anos, em Guimarães, integrando vários grupos corais, bandas de garagem e concurso de talento, criando, em 2015, a banda Gaijas, banda portuguesa de tributo ao rock no feminini. Em 2016 sobe ao palco do Teatro das Figuras de Faro com Viviane no concerto "Viviane Entre Amigos", começando, dois anos depois, a sua carreira como cantora freelancer no pop/rock. Com a banda Gaijas lança o primeiro single "É Como É" em março de 2019, seguindo-se "(Des)Culaps" em outubro. Em 2020 lançou um canal de Youtube de covers clássicos. No Festival da Canção 2021 dará voz a "Um Abraço", canção de Viviane e Tó Viegas.


Ariana

Ariana Abreu iniciou-se no mundo da música a cantar fado sendo que, com o passar do tempo, apaixonou-se pelo soul e pelo RnB. Em 2014, com 13 anos, participou no The Voice Portugal Kids onde chegou à Fase das Batalhas. Responsável por vários projetos na Cartoon Network, onde deu voz ao genérico de PowerPuff Girls, estreou-se, em 2019, no palco do Campo Pequeno com Djodje. Nesse ano, regressou ao The Voice Portugal onde alcançou os Tira-Teimas. Em 2020, acompanhou Kady no palco do Festival da Canção 2020. Este ano apresenta-se como intérprete de "Mundo Melhor", de Virgul, fazendo a sua estreia a solo no certame aos 19 anos.


Carolina Deslandes

Carolina Deslandes é cantora e compositora, sendo uma cara bem conhecida do público português. Aos 18 anos, entrou no concurso de televisão Idolos, tendo terminado na terceira posição. Conta já com diversos sucessos, e três albúns lançados. O seu último albúm, "Casa", estreou no primeiro posto do top português de álbuns. Em 2017, lançou o single "A Vida Toda", que se tornou um dos temas mais cotados no Top do iTunes português e mais ouvidos no Spotify em Portugal. Com esse mesma canção, ganhou o Globo de Ouro de Melhor Música, em 2019. Fez parcerias com diversos artistas portugueses, dos quais constam diversos participantes de anteriores edições do Festival da Canção. É de salientar "Mountains" com Agir (FC2007), "Anjos" com Diogo Piçarra (FC2018) e "Contigo" com Jimmy P (FC2020). Na RTP, foi júri do programa "La Banda", que estreou em 2019, sendo também uma das mentoras do The Voice Kids. No Festival da Canção 2021 interpretará "Por Um Triz", tema composto pela própria.


Da Chick

Da Chick é o nome artístico de Teresa Freitas de Sousa. Começou a sua carreira musical em 2009, tendo participado desde então em diversos projetos, nos quais constam Discotexas Band e Memória de Peixe. Em 2012, a arista lançou o seu primeiro EP, intitulado "Curly Mess". Em entrevista de 2012, afirma que gosta muito de escrever em inglês, bem como de "misturar 'estilos', 'ritmos', e experimentar sonoridades que à partida não se encaixariam". Em 2015 lançou o seu primeiro ambum entitulado "Chick to Chick", contando com várias participações em grandes eventos, como o Super Bock Super Rock. Em 2020 lançou o LP "Conversations With The Beat". No Festival da Canção 2021, Da Chick interpreta "I Got Music", canção composta pela intérprete.


EU.CLIDES

EU.CLIDES nasceu, em 1996, em Cabo Verde, mas vive desde cedo em Portugal. Aos oito anos entrou para o Conservatório de Música em Aveiro, onde começou os seus estudos de guitarra clássica. Em 2016, a paixão pela música levou-o a Paris, onde teve a oportunidade de fazer a sua primeira digressão com o grupo senegalês Daara J Family e, mais tarde, com a cabo-verdiana Mayra Andrade. "Terra-Mãe", o seu primeiro single, saiu na primavera de 2020, seguindo-se "Ira Para Que?" e "Tempo Torto", o último em colaboração com Branko. No Festival da Canção 2021 vai interpretar "Volte-Face", de Pedro da Linha.


Graciela

Graciela nasceu em Barcelo em 1989, tendo estudado, desde cedo, piano clássico e canto. Posteriormente licenciou-se em Design Gráfico, atividade que exerce desde 2010 em paralelo à de música no projeto Dear Telephone, onde é cantora, teclista e compositora. A formação tem três álbuns editados, preparando-se para o lançamento o seu disco de longa duração em 2021. Desde 2012, Graciela contou também com várias colaborações com We Trust, White Haus e Cavalheiro. No Festival da Canção 2021, Graciela é a intérprete da canção "A Vida sem Acontecer", de João Vieira.


Joana Alegre

Joana Alegre é licenciada em Ciências Políticas e Relações Internacionais, e mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação. Tem uma vasta formação musical, constando do seu percurso o estudo de guitarra na Academia Duarte Costa, o estudo de voz, guitarra e piano complementar no Hot Club de Portugal, bem como um curso de verão da New School For Jazz and Contemporary Music de Nova Iorque. Atualmente, trabalha como cantora, compositora, e professora de canto nos Great Dane Studios. Desde 2017, exerce mandato como deputada independente na Assembleia Municipal de Lisboa. Lançou em 2016 o seu primeiro ambul, entitulado "Joan & The White Harts". Em 2019 concorreu ao programa The Voice, tendo conseguido virar as quatro cadeiras com a sua interpretação de "Jenny of old stones". Terminou em terceiro lugar, na equipa de Diogo Piçarra, participante do Festival da Canção 2018. No ano passado, foi a vencedora do A Escolha É Sua VIII, iniciativa do ESCPortugal que elege o candidato ideal para representar Portugal na Eurovisão. No palco do Festival da Canção 2021, interpretará o próprio tema, "Joana do Mar".


Neev

NEEV, nome artístico de Bernardo Neves, viveu em Inglaterra, onde estudou Music Business e desenvolveu um projeto que ligava a música a causas solidárias. Com 26 anos, descreve-se como "criativo e determinado", garantindo que sempre teve música na vida e nunca se imaginou a fazer outra coisa. A sua estreia musical aconteceu em 2016 num dueto com os noruegueses SEEB com o tema "Breathe". Seguiu-se, a solo, "Calling Out", em maio de 2019. No final de 2019, lançou "Lie You Love It" despertando a atenção internacional. Seguiram-se, em 2020, "This Dream", "It Is What It Is", e "Something Trivial", tendo pré-lançado o seu álbum de estreia. No Festival da Canção 2021 defenderá "Dancing in the Stars", canção composta pelo próprio.


Pedro Gonçalves

Pedro Gonçalves, intérprete, escritor e compositor, participou, em 2015, no talent show The Voice Portugal, onde alcançou o segundo lugar, fazendo a sua estreia para o público português depois de vários covers lançados no Youtube. Em 2017, Pedro Gonçalves foi convidado por João Pedro Coimbra para interpretar "Don't Walk Away" no Festival da Canção 2017, tendo alcançado o 6.º lugar na Grande Final. Depois de vários lançamentos a solo, o cantor admitiu, em entrevista, o lançamento do álbum de estreia em 2021. Foi um dos escolhidos das livres submissões com "Não Vou Ficar", tema que defenderá em palco.


Tainá

Tainá nasceu na cidade de Nova Marabá, no Brasil, sendo de descendência indígena de ambos os progenitores. Começou a estudar música na Igreja Evangélica,  tendo entrado num Instituto Musical aos 16 anos, onde fez cursos de piano, voz e guiatarra, seguindo com a formação musical até ao Ensino Superior. Rumou a Portugal, acompanhando a mãe e o padrasto, tendo lançado "Sonhos", o seu álbum de estreia, onde foi a responsável por todas as canções. Conta com várias colaborações como a banda Sete Lágrimas, com quem atuou no Centro Cultural de Belém. Interpreta "Jasmim", canção composta pela própria.



 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL/RTP / Imagem: ESCPortugal

Sem comentários