[ÁUDIO] Portugal: Ouça a orquestração original de "Na Mais Profunda Saudade"

 

Tiago Derriça revelou a orquestração original de "Na Mais Profunda Saudade", tema que Valéria defende no Festival da Canção 2021.


O compositor e orquestrador Tiago Derriça revelou, na sua conta oficial do Youtube, a orquestração original de "Na Mais Profunda Saudade", tema composto por Hélder Moutinho e interpretado por Valéria no Festival da Canção 2021.

 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: TiagoDerriça/ Imagem: ManuelLuisCochofel /Pedro Pina | RTP / Vídeo: Youtube

12 comentários:

  1. Anónimo00:04

    Vai ganhar. Estejam prontos.

    ResponderEliminar
  2. Woww, o meu favorito à vitória foi sempre o Neev mas cada vez mais quero que isto ganhe, que qualidade!!...

    ResponderEliminar
  3. Anónimo06:13

    Gosto da melodia, mas, infelizmente, acho que a orquestração não combina com a melodia. É muito confusa. Os violinos parecem muito artificiais... Há canções que beneficiam com o som de uma orquestra, mas não esta, na minha humilde opinião. Esta canção precisa de um arranjo mais subtil porque a sua força está na melodia e na voz. Piano e guitarra acústica, tão simplesmente, elevariam a canção. Tenham coragem de arriscar, por favor, acho que a RTP aceitaria um novo instrumental para a final.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo11:35

    Agora sim sinto winner vibes. Espero que usem esta versão e adicionem algo mais ao staging, um fumo em palco ou fogo de artificio, a valéria merece mais do que umas luzes.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo17:15

    O original é melhor.

    ResponderEliminar
  6. Os estrangeiros que visitam Portugal sabem bem o que é o fado e aqueles que o conhecem bem nunca iriam votar numa música nada original. Para além desses também há muita gente mesmo portuguesa que não aprecia o estilo faduncho. O Fado só é bom para quem foi habituado a ouvi-lo por causa dos pais e dos avós.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo19:05

      Não, o fado tem de ser modernizado, tal como a Rosalia fez com o flamenco. E quando digo modernizar, não falo no Conan osiris e afins, isso não é fado.

      Eliminar
  7. Anónimo22:27

    surpresa da noite.

    ResponderEliminar
  8. Anónimo08:13

    Um fado puro não devia ir a concurso. Então todos os países levavam uma música tradicional sua e todos empatariam, porque todas as culturas são igualmente válidas. Trata se de um concurso pop, no entanto o fado é muito respeitado e apreciado. Levar a concurso de uma forma pura é rebaixar...

    ResponderEliminar
  9. Anónimo20:43

    Sim, muita orquestração mas a linha melódica mal se capta.

    ResponderEliminar