Albânia: RTSH descarta utilização de júri internacional no 'Festivali i Këngës 59'

 A emissora albanesa RTSH confirmou, esta tarde, que não contará com um júri internacional no Festivali i Këngës 59.


Depois de anunciar a realização do Festivali i Këngës 59 entre 17 e 26 de dezembro ao ar livre, conforme pode recordar AQUI, a emissora albanesa RTSH revelou novos detalhes sobre o concurso que será utilizado como final nacional para o Festival Eurovisão 2021. O concurso será apresentado Jonida Vokshi e Blendi Salaj e contará com três galas: todos os candidatos atuarão nas duas primeiras galas, sendo que a segunda gala contará com novas versões das atuações.

No entanto, ao contrário da última edição, a votação estará exclusivamente a cargo de um júri nacional, com a RTSH a descartar o recurso de um júri internacional. Deste modo, a terceira gala apenas contará com os escolhidos do painel de jurados, não sendo conhecido o número de vagas na Grande Final.

Além disso, a RTSH revelou que, caso não seja possível contar com a orquestra, os candidatos poderão usar os instrumentais pré-gravados, sendo que a versão final de cada canção a ter de ser enviada até 10 de novembro.

A disparidade de votações entre o júri internacional, composto por Christer Björkman, Dimitris Kontopoulos e Felix Bergsson,  e o júri nacional, formado por Mikaela Minga e Rita Petro, no Festivali i Këngës 58 foi um dos assuntos mais polémicos da edição. Elvana Gjata recebeu a pontuação máxima dos três jurados internacionais, mas a votação dos júris nacionais colocou a candidata em segundo lugar, depois de Arilena Ara.

 

Aceda, de seguida, à lista de participantes:
 
"Peng"- Devis Xherahu
"Valixhja e kujtimeve"- Orgesa Zaimi
"Kush je ti dashuri"- Festina Mejzini
"E morën botën"- Franc Koruni
"Pendesë"- Inis Neziri
"Kam me t’ba me kajt"- Sardi Strugaj
"Më jep jetë"- Gjergj Kaçinari
"Nëse vdes"- Durim Morina (Mirudi)
"Tjerr"- Evi Reçi
"Vashëzo"- Rosela Gjylbegu
"Vallja e jetës"- Klevis Bega (Kastro Ziso)
"Do t’ja dal"- Klinti Çollaku
"Karma"- Anxhela Peristeri
"Si ajo"- Wendi Mancaku
"Ty"- Fatos Shabani
"Vajzë"- Florent Abrashi
"Njësoj"- Enxhi Nasufi
"Ajo vajza"- Kamela Islamaj
"Zjarri im"- Era Rusi
"Jo"- Erikson Lloshi
"Më mbron"- Xhesika Polo
"Ora e jetës"- Manjola Nallbani
"E lirë"- Giliola Haveriku
"Nënë"- Viktor Tahiraj
"Vendi im"- Agim Poshka
"Meteor"- Stefan Marena
  
Estreante em 2004, a Albânia participou por dezasseis ocasiões no Festival Eurovisão, tendo disputado a grande final em nove edições. O melhor resultado remonta a 2012 quando o país foi representado por Rona Nishliu e o tema Suus, terminando na 5.ª posição da final. Em Telavive, Jonida Maliqi e "Ktheju tokës" representaram a Albânia, alcançando o 17.º lugar na Grande Final com 90 pontos, nenhum deles oriundo de Portugal. Em 2020, Arilena Ara representaria o país com "Fall From The Sky".

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte:RTSH/OGAESpain/ Imagem: Google /Vídeo: Eurovisiontv

Sem comentários