Austrália: Montaigne quer interpretar "JC Ultra" no Festival Eurovisão 2021


A cantora australiana Montaigne quer representar o país no Festival Eurovisão de 2021 com "JC Ultra", canção inspirada no Projeto MKUltra.

Depois de ter sido reconduzida como representante da Austrália no Festival Eurovisão em 2021, a cantora Montaigne dedicou-se, nos últimos meses, à preparação de temas para o concurso internacional, sendo que a escolha já poderá ter sido efetuada. Em declarações prestadas no Twitch, a cantora frisou que já tem a canção pronta para o certame: "Acho que tenho a canção para o Festival Eurovisão. Estamos abertos a novos compositores (...) mas tenho a certeza que esta é a canção" defendeu.
 
Questionada sobre a canção, Montaigne revelou que o título é "JC Ultra" e que é baseada "no MKUltra, o programa de lavagem cerebral que a CIA tentou implementar nas décadas de 1970 e 80". A emissora australiana SBS não revelou nenhum detalhe sobre a candidatura nem sobre as declarações de Montaigne, sendo que a canção terá de ser aprovada pela SBS: no entanto, o teor político-social poderá ser um impedimento ao desejo da artista para o certame de 2021.
    
Com cinco participações no curriculum, a Austrália é o único país, juntamente com a Ucrânia que nunca falhou o apuramento para a Final do Festival Eurovisão, tendo como melhor resultado o 2.º lugar alcançado por Dami Im e "Sound of Silence". Em Telavive, Kate Miller-Heidke ficou em 9.º lugar na Grande Final (depois da vitória na semifinal) com "Zero Gravity" a arrecadar 285 pontos, sendo 11 oriundos de Portugal: 7 do júri e 4 do televoto. Em 2020, Montaigne representaria a Austrália com "Don't Break Me".


  
 
Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: SBS / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

Sem comentários