Israel: Netta queria cantar "Bassa Sababa" na Eurovisão 2018

Netta, vencedora do Eurovision Song Contest 2018, revelou recentemente que "Bassa Sababa" foi a sua primeira escolha para o concurso.


"Bassa Sababa" poderia ter sido a canção com que Netta representaria Israel no Festival da Eurovisão de 2018, que teve lugar em Lisboa. A cantora revelou, no Instagram, que submeteu a canção para representar o país e que se sentiu devastada quando não foi escolhida. Depois de vencer a final nacional israelita, onde apenas foi escolhido o representante do país e não a canção, Netta isolou-se num quarto de hotel com Avshalom Ariel, seu colaborador artístico. "Fechamo-nos num quarto de hotel e trabalhamos quatro dias e quatro noites sem parar, dormiamos por turnos, até o nosso primeiro bebé estar pronto. Gritámos de felicidade quando a ouvimos por completo pela primeira vez e ficamos devastados quando descobrimos que não foi escolhida", revelou Netta.

A canção escolhida acabou por ser "Toy" e Netta foi coroada como a vencedora da Eurovisão 2018 com ela. Stav Beger, co-compositor de "Toy", acabou mais tarde por trabalhar com Netta na versão final de "Bassa Sababa" que foi lançada em fevereiro de 2019.

Ouça a versão original de "Bassa Sababa" que Netta queria ter levado à Eurovisão 2018:

Ver essa foto no Instagram

For English scroll down זו הסקיצה הראשונה של באסה סבבה, שהייתה אז פשוט ״סבבה״. ליל הזכייה בכוכב הבא, אבשלום שלי הביט בי באימה ואמר ״נטע, את נוסעת לארווזיון, והשיר שתשירי לא יהיה שלך״. לקחנו חדר במלון להתבודד בו, ועשינו שם מחנה עבודה של ארבעה ימים ולילות רצופים של שינה במשמרות עד שהיה לנו את הבייבי הראשון שלנו. צרחנו מאושר כששמענו אותו, התרסקנו כשהוא לא נבחר, אבל אני מאושרת על איך שהדברים והכוכבים הסתדרו. אני מאושרת שדרכינו נתקלו בסתיו בגר, שחבר אלינו אחרי האירוויזיון ועשה יחד איתנו את באסה סבבה מה שהוא היום :) This was the first draft of Bassa Sababa, which back then was simply “SABABA”. The night I realized I’m going to Eurovision, @avshalomariel looked at me with terror in his eyes and said “Netta, you’re going to be in Eurovision, and the song you’re going to sing will not be your song”. We took a hotel room, and worked 4 days and nights non-stop (we slept in shifts), until we had our first baby. We screamed with happiness when we heard it finished, were devastated when it was not picked, but I’m happy with how all the stars aligned in the end. I’m happy we crossed ways with @stavbeger who partnered with us after Eurovision, and helped make Bassa Sababa what it is today.
Uma publicação compartilhada por Netta Barzilai (@nettabarzi) em



Estreante em 1973, Israel participou em 41 ocasiões na Eurovisão, totalizando quatro vitórias: 1978, 1979, 1998 e 2018. Depois da vitória em Lisboa, Kobi Marimi e "Home" representaram o país em Telavive, tendo ficado em 23.º lugar com 35 pontos, não tendo recebido nenhuma pontuação dos jurados internacionais. Em 2020, o país seria representado por Eden Alene com a canção "Feker Libi".


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Netta Barzilai / Imagem: Eurovision.tv / Vídeo: KAN

2 comentários: