[AGENDA] Fernando Tordo e Rita Guerra na estreia do 'TV Fest'


O TV Fest, festival de música criado pelo Ministério da Cultura, estreia na próxima quinta-feira, com o Ministério a disponibilizar 1 milhão de euros para pagar aos artistas e técnicos que vão participar na iniciativa. Fernando Tordo e Rita Guerra atuam no primeiro dia.


Com o intuito de apoiar os artistas e técnicos musicais nesta fase de confinamento, o Ministério da Cultura anunciou a criação de um festival de música portuguesa. O TV Fest estreia na próxima quinta-feira, 9 de abril, com transmissão assegurada no canal 444 e na RTP Play. Fernando Tordo (ESC1973/77), Ricardo Ribeiro, Marisa Liz (FC2012) e Rita Guerra (ESC2003) são os artistas confirmados no primeiro dia de concertos, que começam às 22h00 (hora de Lisboa).

A tutela anunciou também a verba de 1 milhão de euros para pagar aos artistas e técnicos que vão participar na iniciativa, sendo que os artistas participantes serão os responsáveis pela escolha dos artistas dos dias seguintes da iniciativa, que tem duração prevista de 1 mês.


Participante em 9 edições do Festival da Canção enquanto letrista, compositor e intérprete, Fernando Tordo representou Portugal no Festival Eurovisão de 1973 com "Tourada", canção que alcançou o 10.º lugar com 80 pontos. Em 1977 regressa ao certame internacional com "Portugal no Coração", integrado no grupo Os Amigos, tendo terminado em 14.º lugar com 18 pontos. A última participação no Festival da Canção aconteceu em 2018 enquanto compositor de "P'ra te dar abrigo", canção que Anabela levou até ao 6.º lugar na Grande Final.



Depois da participação no Festival da Canção de 1992, onde alcançou o 2.º lugar com "Meu amor inventado em mim", Rita Guerra foi escolhida para representar Portugal no Festival Eurovisão 2003 com "Deixa-me Sonhar". A canção, a primeira a ser interpretada em português e inglês no concurso, acabou em 22.º lugar, entre 26 países, com 13 pontos.



 
Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte:RTP/ Imagem: Google / Vídeo: RTP

3 comentários:

  1. Anónimo11:44

    Acho ótima a iniciativa do Ministério da Cultura bem como - aliás - todas as que o governo tem apresentado para fazer face à fase que o país atravessa. Só discordo com a escolha do Fernando Tordo - ainda por cima logo para o primeiro dia - um artista que tanto mal disse do país antes de se mudar para o Brasil. Que tal agora ir pedir ajuda ao Bolsonaro?

    ResponderEliminar
  2. Pois mais isto é pago por todos mas não chega a todos... como o costume, esqueceram os mais pobres, os mais isolados, os que não dominam as TI... mas o esquecimento está na linha da nossa pobre TDT, que é pobre porque fomos submissos a interesses corporativos! Sim isto não passa na TDT que é paga por todos nós, também.

    ResponderEliminar
  3. Anónimo19:24

    "TV Fest" 60% para a causa, 40% fica para quem teve a ideia.

    4 Artistas por dia
    30 Dias de duração (máximo)
    120 Total de artistas
    1 000 000€ a distribuir

    Contas feitas, deveria ser 8333,33€ por Artista(equipa), mas na verdade, cada Artista(equipa) que tiver a sorte de ser eleito deverá receber 5000€.

    Assim 600 000€ vão para artistas(equipa) 400 000€ ficam perdidos na RTP e para afilhados (Páscoa)...

    Corrijam-me se estiver errado.

    Boa sorte para os eleitos ��

    ResponderEliminar