ESC2020: SMRTV lança apelo à EBU/UER sobre o Festival Eurovisão 2020


O chefe de delegação de São Marino revelou que a SMRTV apelou à EBU/UER para reverter a sua decisão de cancelar o Festival Eurovisão 2020, em conjunto com outras emissoras.

Depois de Carlo Romeo, diretor geral da emissora de São Marino, ter lamentando a decisão da União Europeia de Radiodifusão em cancelar o Festival Eurovisão 2020 em vez do seu adiamento, o chefe de delegação do país, Alessandro Capicchioni, revelou novos detalhes sobre a posição da SMRTV. Em entrevista, Alessandro revelou que a emissora estatal de São Marino, em conjunto com outras emissoras,  apelou à EBU/UER para que a decisão seja revertida e o concurso seja realizado no outono: "O adiamento teria sido a solução ideal para muitos de nós (...) pensámos sobre o assunto e escrevemos à EBU/UER. E apresentámos várias alternativas" afirmou Alessandro Capicchioni, "Acreditamos no lema da Eurovisão 2020, #OpenUp, e não queremos que seja um #ShutDown".
 
 
Estreante em 2008, São Marino conta com 10 participações no Festival Eurovisão, tendo apenas alcançado a Grande Final em duas ocasiões: em 2014 e em 2019. Em Telavive, representado por Serhat e "Say Na Na Na", o país alcançou o seu melhor resultado de sempre: o 19.º lugar com 77 pontos, tendo sido a 10.ª canção mais votada pelo público.
 
 
Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: SMRTV / imagem e vìdeo: Eurovision.tv

9 comentários:

  1. Anónimo14:36

    San Marino a salvar a Eurovisão. Ora uma coisa que nunca pensei dizer

    ResponderEliminar
  2. Anónimo14:40

    É por estas que adoro São Marino. Concordando ou não com esta posição e com outras posições que tiveram no passado, achando-as ridículas ou não, a verdade é que mesmo sendo o estado mais pequeno e com menos possibilidades, quando algo não lhes agrada não se deixam ficar. Não se calam e aceitam, mesmo que se fiquem sempre pelo "reclamar". Serão sempre o maior troll da Eurovisão, e não me importo ;)

    ResponderEliminar
  3. Anónimo17:35

    Patético.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo17:53

    Sim por favor que adiem. Nao faz sentido nao haver.
    E ja agora porque esta Sao Marino tao preocupado???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo20:00

      A Eurovisão para San Marino é uma oportunidade do país brilhar a nível internacional

      Eliminar
  5. São Marino quer levar uma canção à Eurovisão 2020 para se arriscar a trazer em vez de um troféu, porque isso está fora de questão, um covid-20.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo21:11

    Olha que este!

    ResponderEliminar
  7. Anónimo03:03

    Espero que outras emissoras estejam com a de San Marino. A SVT parece ter uma posição parecida é devido ao peso que tem dentro da EBU, pode ser que faça alguma coisa.

    ResponderEliminar
  8. Anónimo00:57

    Também acho mais valia adiar, não vejo , julho ou agosto face perfeitamente , mas enfim !!!

    ResponderEliminar