#ESC250: "Euphoria" vence pelo oitavo ano consecutivo e Portugal bate recorde


"Euphoria", canção vencedora do Festival Eurovisão 2012, venceu a iniciativa Eurovision Top250 pelo oitavo ano consecutivo. "Amar Pelos Dois", em 7.º lugar, foi a melhor classificação de Portugal, que colocou 10 canções no top250.

Depois de vários dias de votação no início de dezembro, a ESCRADIO revelou, durante o dia de hoje, os resultados do Eurovision TOP250. "Euphoria", tema vencedor do Festival Eurovisão 2012, alcançou a vitória pelo oitavo ano consecutivo. "Arcade", tema vencedor do Festival Eurovisão 2019, e "Fuego", segundo classificado em Lisboa, seguiram-se na classificação, enquanto "Amar Pelos Dois" desceu para a sétima posição.

No entanto, apesar da descida da canção de Salvador Sobral, Portugal bateu a sua anterior marca e alcançou um total de 10 canções entre as 250 mais votadas num universo de mais de 1500 canções, sendo o quarto país com mais canções no top 250, superado apenas por Itália (16), Suécia (13) e França (11). Turquia (9), Espanha (9), Israel (9), Islândia (8), Grécia (8), Alemanha (7), Azerbaijão (7), Noruega (7), Rússia (7), Ucrânia (7) e Sérvia (7) seguiram-se na classificação por país.




Aceda, de seguida, ao top10 do Eurovision Top250 e aos temas de Portugal na contagem:

1.º Euphoria - Loreen - Suécia 2012
2.º Arcade - Duncan Laurence - Holanda 2019
3.º Fuego - Eleni Foureira - Chipre 2018
4.º Soldi - Mahmood - Itália 2019
5.º  Spirit in the Sky - KEiiNO - Noruega 2019
6.º  Rhythm Inside - Loïc Nottet - Bélgica 2015
7.º  Amar Pelos Dois - Salvador Sobral - Portugal 2017
8.º  1944 - Jamala - Ucrânia 2016
 9.º Grande Amore - Il Volo - Itália 2015
10.º Nocturne - Secret Garden - Noruega 1995

(...)

26.º Telemóveis - Conan Osíris - Portugal 2019
108.º Senhora do Mar - Vânia Fernandes - Portugal 2008
118.º Playback - Carlos Paião - Portugal 1981
120.º O Jardim - Cláudia Pascoal - Portugal 2018
220.º O Meu Coração Não Tem Cor - Lúcia Moniz - Portugal 1996
222.º Silêncio e Tanta Gente - Maria Guinot - Portugal 1984
229.º Neste Barco à Vela - Nevada - Portugal 1987
248.º Lusitana Paixão - Dulce Pontes - Portugal 1991
250.º Menina (do Alto da Serra) - Tonicha - Portugal 1971

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCRadio /Imagem/Vídeo: Eurovision.tv

13 comentários:

  1. Anónimo00:59

    Nunca na vida que fuego e spirit of the sky são superiores a amar pelos dois e 1944

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São sim, ambas!

      Eliminar
    2. Anónimo09:44

      Não são, não!

      Eliminar
    3. Anónimo18:15

      Sim são, sim!

      Eliminar
    4. lol... tá bonito

      Eliminar
    5. Anónimo15:05

      Parece uma discussão do tipo "a minha p... é maior que a tua" 😂

      Eliminar
  2. Anónimo12:48

    Playback, Neste barco à vela, O jardim? Está tudo louco lol xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:25

      "Neste barco á vela" é uma belíssima canção, foi injusto o resultado que obteve no Esc. A nossa canção de 1987 era bastante superior á canção vencedora, a de Jonny Logan. Já o Jardim e Playback deixam um bocado a desejar.

      Eliminar
    2. No vídeo da BBC ouve-se nìtidamente o comentador britânico a dizer que adorava a canção portuguesa assim que terminou a sua apresentação.

      Eliminar
  3. Anónimo16:16

    "26.º Telemóveis - Conan Osíris - Portugal 2019"

    Tá tudo tolo LOLOL isto nem no bottom 10 devia ficar.

    ResponderEliminar
  4. A música dos soluços anda há 8 longos anos a deixar os nórdicos eufóricos. Até parece bruxedo. A Nocturna é a mais velha do grupo da dezena mas não me espanta nada ou não fosse o festival realizado sempre à noitinha.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo04:26

    Mais alem do ressultado das canções portuguesas (em particular "Amar pelos dois", que não teve um mal resultado tendo em conta tudo o que tem acontecido estes tres anos), em realidade é necessario fazer uma votação da melhor canção da historia da Eurovisão CADA ANO? Nem sequer a UER faz isso, a última vez que eles fizeram foi no 50 aniversario (2005)

    ResponderEliminar
  6. se dá para escolher um alias porque é que deixam sempre a escolha anónimo?

    ResponderEliminar