Slider

Jamala: "É triste que a nossa esperança tenha sido retirada sem termos qualquer chance"


 A cantora Jamala, vencedora do Festival Eurovisão 2016, pronunciou-se sobre a decisão da EBU/UER sobre a não realização do certame de 2023 na Ucrânia: "É muito doloroso".


A cantora ucraniana Jamala, vencedora do Festival Eurovisão 2016, reagiu, recentemente, à decisão da EBU/UER de não realizar o concurso do próximo ano na Ucrânia devido ao conflito armado existente no país: "A Eurovisão deve acontecer num país onde não haja ameaças aos seus participantes e espectadores mas, ao tirar esse direito, a União Europeia de Radiodifusão expressou as suas dúvidas sobre se haverá paz na Ucrânia até ao próximo ano" frisou, manifestando-se desiludida com a decisão, "Como ucraniana, é triste que a nossa esperança tenha sido retirada sem termos qualquer chance. É difícil de entender, mas não nos tirem a esperança. Espero que possamos acabar com esta guerra horrível, mas sem a vossa ajuda será muito difícil".

A artista frisou também que o triunfo dos Kalush Orchestra com mais 165 pontos que Sam Ryder, representante britânico, mostrou que "a Europa se uniu no apoio à Ucrânia e entendeu que não é apenas uma guerra na Ucrânia: é uma guerra na Europa" lamentando que "1944", tema que escreveu sobre a história da sua bisavó em 1994 e com que venceu o Festival Eurovisão, tenha ganhado novos contornos com a situação vivida no país: "Infelizmente a letra parece cada vez mais realista, mas foi escrita em 2015. Eu esperava que fosse sobre o passado, mas infelizmente é sobre 2022".


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: RTVE / Imagem/Vídeo: Eurovision.tv
1
( Hide )
  1. Anónimo18:04

    Nao fará diferença, se nao fosse por o pais estar em guerra nao teriam ganhado e mesmo que o conflito terminasse amanha nao haveria dinheiro nem a infraestrutura necessaria para organizar uma ediçao decente, o que a meu e justo com os seguidores e participantes poder terem uma minima garantia de segurança, e se nao houvesse conflito muito certamente nao teria ganhado, imagino que teria se posicionado entre o 7o e a 15 posiçao na grande final

    ResponderEliminar

Ideas

both, mystorymag

A NÃO PERDER...

TOP
© Todos os direitos reservados
Criado por templatezoo Personalizado por ESC Portugal - PG, 2022.