Slider

ESC2022: UCRÂNIA É A GRANDE VENCEDORA DO FESTIVAL EUROVISÃO 2022

 

A Ucrânia, representada pelos Kalush Orchestra e "Stefania", venceu a Grande Final do Festival Eurovisão 2022.


A Ucrânia, representada por Kalush Orchestra e "Stefania", venceu o Festival Eurovisão 2022 com 631 pontos, sendo a terceira vitória do país na competição. O grupo recebeu 192 pontos do júri, onde terminou em quarto lugar, e 439 pontos do televoto, a maior votação de sempre registada na votação popular. 

Reino Unido, o vencedor do júri, ficou em 2.º lugar com 466 pontos, enquanto Espanha encerrou o pódio com 459 pontos. Suécia e Sérvia ficaram também no top5, enquanto o top10 foi completo com as canções de Itália, Moldávia, Grécia, Portugal e Noruega.

Aceda, de seguida, à classificação total:

1.º Ucrânia - 631 pontos
2.º Reino Unido - 466 pontos
3.º Espanha - 459 pontos
4.º Suécia - 438 pontos
5.º Sérvia - 312 pontos
6.º Itália - 268 pontos
7.º Moldávia - 253 pontos
8.º Grécia - 215 pontos
9.º Portugal - 207 pontos
10.º Noruega - 182 pontos

11.º Países Baixos - 171 pontos
12.º Polónia - 151 pontos
13.º Estónia - 141 pontos
14.º Lituânia - 128 pontos
15.º Austrália - 125 pontos
16.º Azerbaijão - 106 pontos
17.º Suíça - 78 pontos
18.º Roménia - 65 pontos
19.º Bélgica - 64 pontos
20.º Arménia - 61 pontos
21.º Finlândia - 38 pontos
22.º República Checa - 38 pontos
23.º Islândia - 20 pontos
24.º França - 17 pontos
25.º Alemanha - 6 pontos

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter Instagram. Visite já!
Fonte/ Imagem, Vídeo: EurovisionTv
17
( Hide )
  1. Anónimo00:06

    Não pela música. Peço desculpa, toda a minha solidariedade com a Ucrânia, mas não mereciam...

    ResponderEliminar
  2. Anónimo00:11

    Podem me julgar . Mas achei uma vitória injusta , até para com os outros concorrentes que tinham melhores canções . Ganhou porque o país está na situação que está , mas a Eurovisão é um festival de música não de caridade . Não aplaudo porque isto não é vencer

    ResponderEliminar
  3. Anónimo00:13

    Achei particularmente interessantes as dificuldades de ligação ao Azerbaijão e à Roménia.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo00:16

    Manifestar solidariedade em votos da Eurovisao.. poupem-me

    ResponderEliminar
  5. Anónimo00:17

    Pessoalmente não concordo com a vitória da Ucrânia porque havia canções mais bonitas a concorrer. Mas a Eurovisao é assim mesmo e já agora os votos dados pelo televoto são votos de amor e paz se calhar não tem haver com a canção. Para o ano que vem cá estaremos para comentar. Parabéns Mauro provaste ser grande e merecias um top 5

    ResponderEliminar
  6. O pior vencedor de que tenho memória. Os grandes flops Polónia, Holanda e Noruega.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo11:08

      A Polónia, Holanda e Noruega não foram flops coisíssima nenhuma, porque os três países passaram á final e um ficou em 10º lugar, outro em 11º lugar e outro em 12º lugar num total de 25 lugares possíveis. O seu comentário está errado em relação a estes três países e já justifiquei porquê.

      Eliminar
  7. Anónimo00:44

    A Ucrânia bateu um novo máximo ao conseguir obter os 12 pontos por 28 vezes na votação do público!

    ResponderEliminar
  8. Anónimo01:04

    para um site eurovisivo, este texto está super completo. lol

    ResponderEliminar
  9. Anónimo01:13

    Totalmente injusto

    ResponderEliminar
  10. Efeito solidariedade. Mas gosto da canção.

    ResponderEliminar
  11. Anónimo04:52

    Caros, foram votos do público não de dois ou três jurados que decidiram ser solidários com a Ucrânia. O mesmo público que não gostou da música portuguesa!

    E mesmo que o povo da Europa tenha decidido usar o festival para mostrar que estamos com eles… então demonstramos que há valores humanos que nos permitem focar no que realmente é importante.

    Como opinião pessoal, a música da Ucrânia era mesmo uma das melhores, não a vencedora na minha opinião mas no meu top3. Detestei a vitória da Itália o ano passado, detestei a vitória de Israel… não me lembro de termos falado de solidariedade aqui. Podemos escolher o lado bom das coisas e talvez possamos focar naquilo que realmente é importante e por fim congratular e aceitar os votos da maioria. Viva a democracia.

    Parabéns Maro pelo excelente 5o lugar através do voto do júri! Excelente feedback para o teu trabalho! Parabéns! Sucesso na tua carreira!

    ResponderEliminar
  12. Dan Carv14:05

    Esta vitória é uma piada. Curiosamente foi a primeira vez que senti que Portugal merecia ganhar. A partir de ontem deixei de dar tanta importância a este concurso de regras algo obscuras e incompreensíveis.

    ResponderEliminar
  13. Diogo14:20

    Tenho uma dúvida. Imaginem que, por hipótese, a guerra dura mais 12 anos. A Ucrânia vai ganhar 12 vezes seguidas?

    ResponderEliminar
  14. Francisco Guerra16:59

    Pode ter alguma relação na votação popular, mas não se pense que a vitória da Ucrânia seja apenas por solidariedade ou algo do género... Não esquecer que a música já estava selecionada antes de a guerra começar e já estava no top das casas de apostas...

    ResponderEliminar
  15. Anónimo17:45

    "A Ucrânia vai ganhar 12 vezes seguidas?" Não se sabe como será daqui para diante. O futuro o dirá.

    ResponderEliminar
  16. Anónimo17:50

    Embora a canção da Ucrânia não fosse a minha preferida, era uma das melhores canções a concurso. Fiquei, por isso, bastante contente com a vitória dos Kalush. Já era tempo de rap ganhar a Eurovisão. Além disso, num total de 25 canções, só não gostei nada de 4, a saber: Alemanha, Azerbaijão, Espanha e Reino Unido. Por isso, se não tivesse ganho a Ucrânia, teria ganho a Espanha ou o Reino Unido. Não, obrigado! Ainda bem que ganhou a Ucrânia. E aí o júri português esteve bem porque lhes atribuiu 8 pontos.

    ResponderEliminar

Ideas

both, mystorymag

A NÃO PERDER...

TOP
© Todos os direitos reservados
Criado por templatezoo Personalizado por ESC Portugal - PG, 2022.