Slider

[OFICIAL] Rússia fora do Festival Eurovisão 2022

Em comunicado oficial, a EBU/UER revelou que a Rússia não participará no Festival Eurovisão 2022. 


A União Europeia de Radiodifusão (EBU/UER) revelou, esta tarde, em comunicado oficial, que a Rússia ficará de fora do Festival Eurovisão 2022, evento que terá lugar em maio na cidade italiana de Turim. Segundo o comunicado, a decisão foi tomada pelo Grupo de Referência do evento, baseado nas regras e valores do certame do próprio organismo europeu, frisando que a presença da delegação russa em Turim após a invasão da Ucrânia, colocaria o evento em risco.


De realçar que, nas últimas horas, as emissoras da Dinamarca, Noruega, Países Baixos, Suécia, Islândia, Lituânia e Ucrânia apelaram junto da EBU/UER para a desclassificação da Rússia, enquanto a Finlândia e a Estónia ameaçaram boicotar o evento caso a entidade máxima não alterasse a sua posição para com a presença russa no evento. Por sua vez, os Citi Zeni, representantes da Letónia em Turim, também apelaram à retirada do país da lista de participantes.

Estreante em 1994, a Rússia participou em 23 edições do Festival Eurovisão, contando com uma vitória (2008) e outras sete presenças no pódio do certame. Em Roterdão, o país foi representado por Manizha e "Russian Woman", sendo a primeira vez que o país usou uma final nacional desde 2012. Depois do terceiro lugar na semifinal, a candidatura russa alcançou o 9.º lugar na Grande Final com 204 pontos, fruto do 8.º lugar no público (100 pontos) e do júri (104 pontos), tendo sido a segunda mais votada do júri português (10 pontos) e a décima do televoto (1 ponto).


Este e outros artigos também no nosso Facebook, Twitter e Instagram. Visite já!
Fonte: EurovisionTv / Imagem: Google /Vídeo: Youtube
13
( Hide )
  1. Infelizmente acho que foi o mais correto a fazer. Melhores dias viram!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo17:02

    E aí vão entrar pela porta do twitter a dentro os cantores russos, que tanto apelam à paz sem nunca apontar o dedo da culpa ou responsabilidade ao seu Putin amado, a reclamar de nós estamos no lado errado da narrativa e a "ajudar o inimigo". Não é Sr. Lazarev? Will they scream?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo20:58

      O facto de eles o fazerem, é porque se o fizerem correm riscos de vida. Infelizmente as coisas não funcionam como aqui

      Eliminar
  3. Anónimo17:47

    Estou de acordo!! Bravo!!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo18:25

    o mesmo devia ser aplicado a Israel e Azerbaidjao

    ResponderEliminar
  5. Anónimo18:29

    To all music lovers from Russia, to all artists from Russia who don't stand and don't agree with these atrocities taking part in Ukraine. Let's not forget about. They are not guilty.

    Russia will never be Putin and Putin will never be Russia.

    "Don't be afraid" 💙💛

    ResponderEliminar
  6. Qualquer outra decisão seria injustificável!

    ResponderEliminar
  7. Decisão muito sensata pela parte da ebu e sinceramente todos já esperavam esse desfecho, foi a melhor decisão possível! só tenho pena dos fãs e artistas russos mas foi melhor assim.

    ResponderEliminar
  8. Anónimo19:31

    A Decisão certa!
    Pena que foi preciso os países terem feito esta pressão, e não a EBU a tomar esta decisão no imediato.
    E pena que como sempre, a RTP não se juntou nem tomou uma posição. Abster-se é compactuar...

    ResponderEliminar
  9. O mundo inteiro está contra a Russia, não fazia sentido manter a Rússia na Eurovision, não há como separar a politica da música,depois dessa invasão a um país soberano e provocar um banho de sangue.

    ResponderEliminar
  10. E infelizmente a ucrania tambem não ira ao festival. Porque para aquele então já tudo esta dominado pelos rusos. Tv ucraniana inclusive. Mas pena é que nada façam para parar os rusos. Não o putin. Os rusos. Porque se o putin leva anos no gorveno é como apoio dos seus compatriotas. Bloqueemos tudo o que é ruso. Tudo absolutamente tudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo21:37

      Os rusos não sei... mas os russos sim

      Eliminar
  11. É lamentável que a Rússia não possa fazer parte do Eurovisão da Canção 2022, pois até têm boas Músicas quando vão ao Concurso mas se só assim o País poderá sentir um pouco do quanto custa e mesmo assim não é o suficiente pois devia ser bem pior, ter que conviver com os Custos Sociais que o Confronto Rússia/Ucrânia então que assim seja pois todos os Castigos serão poucos diante daquilo que Vladimir Putin tem vindo a causar não só ao seu próprio Povo como aos seus Vizinhos Ucranianos.

    ResponderEliminar

Ideas

both, mystorymag

A NÃO PERDER...

TOP
© Todos os direitos reservados
Criado por templatezoo Personalizado por ESC Portugal - PG, 2022.