Espanha: Participação no Festival Eurovisão 2021 custa mais de 600 mil euros


O custo de participação de Espanha na Eurovisão 2021 vai ser superior a 600 mil euros.


O Maldita.es, orgão de comunicação espanhol, revelou que a RTVE tem um orçamento estimado de 617.403 euros para a sua participação na Eurovisão 2021. Comparando às edições recentes, este valor representa uma diminuição do investimento. Em 2019, a RTVE supostamente gastou 782.044 euros naquela que foi uma das suas participações mais caras nos últimos anos. Em 2011, quando Lucía Pérez representou o país em Dusseldorf, a emissora terá pago um total de 1,2 milhões de euros pela participação e organização da final nacional.

Espanha é um dos "big five", o que significa que o país não tem de participar nas semifinais e qualifica-se automaticamente para a grande final. Isto acontece porque paga uma taxa de participação superior à da maioria dos outros países.


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

1 comentário:

  1. Em 2005 com os 2B, Portugal gastou 250 mil euros. Foi a participação mais dispendiosa que tivemos saldo erro.
    A razão para a existência dos big 5 é o valor da taxa que pagam ou é o facto de representarem um mercado gigante em relação aos outros países? Mercado esse que a EBU mão quer perder em audiências. Se Os big 5 não estiverem na final as audiÊncias seriam muitissimo mais reduzidas.

    ResponderEliminar