[AO VIVO] ESC2021: Acompanhe connosco a 'Turquoise Carpet' do Festival Eurovisão 2021


 O Terminal de Cruzeiros de Roterdão recebe, esta tarde, a Turquoise Carpet do Festival Eurovisão 2021. Acompanhe connosco toda a cerimónia.


O Terminal de Cruzeiros de Roterdão recebe, esta tarde, a Cerimónia de Abertura e a Turquoise Carpet do Festival Eurovisão 2021. As delegações chegarão ao terminal de cruzeiros através de barcos, sendo recebidos com uma saudação náutica pelo Presidente da Câmara de Roterdão, antes de entrarem na turquoise carpet que tem um comprimento de 210 metros. Kiis Van Plateringen e Fenna Ramos são os apresentadores da cerimónia.

Acompanhe connosco toda a cerimónia:

16h05 - Falta cerca de uma hora para o início da cerimónia, mas as notícias multiplicam-se. Além das ausências já anunciadas da Austrália e da Polónia (a delegação australiana não rumou a Roterdão por restrições de viagens, enquanto a delegação polaca está em isolamento depois de um teste positivo a um dos elementos), a Islândia também não marcará presença depois de detetado um caso de Covid-19 na sua comitiva. Por segurança, Malta e Roménia também não marcam presença no evento.


16h10 - O mau tempo em Roterdão também obrigou a algumas alterações na cerimónia, que será realizada numa tenda em vez de ao ar livre.


16h13 - A transmissão do evento poderá ser acompanhada AQUI a partir das 17h00 (hora de Lisboa).

16h27 - As delegações de Malta e da Islândia partilharam alguns statements nas redes sociais, depois do anúncio que ficarão de fora do evento de hoje.

16h45 - Os The Black Mamba estão prontos para "enfrentar" a passadeira turquesa, conforme revelaram nas contas oficiais do Festival da Canção.


16h49 - Alguns artistas já revelaram os figurinos que utilizarão na cerimónia através das redes sociais.

16h59 - A Turquoise Carpet está quase a começar. Quem está a acompanhar?

17h05 - Alguns problemas técnicos estão a afetar o início da transmissão.

17h12 - A transmissão iniciará às 17h15, anunciou a EBU/UER.

17h15 - Koos van Plateringen e Fenna Ramos dão as boas vindas a todas as comitivas.

17h19 - Os The Roop da Lituânia abrem o desfile das comitivas. Os elementos usam figurinos escuros e vermelhos e pedem para que todos "permanecam positivos" para que tudo corra como esperado.

17h22 - A Alemanha é a próxima a passar na Turquoise Carpet, com a famosa mão a marcar presença na comitiva. Jendrik canta um excerto do tema que defende no concurso. O cantor traz fotos dos cinco artistas que falharam a cerimónia na lapela.

17h25 - Ana Soklic, da Eslovénia, marca presença sozinha na passadeira, usando um figurino escuro e vários adereços.

17h26 - A representante de França faz-se acompanhar pela chefe de delegação no desfile das comitivas. Barbara Pravi usa um vestido escuro semi-transparente e admite querer ganhar o concurso "mas não se sente pressionada".


17h30 - Manizha da Rússia traz um figurino bastante tradicional para a cerimónia de abertura do Festival Eurovisão, fazendo-se acompanhar pelos backing singers e mais alguns membros da comitiva.

17h33 - Os Maneskin de Itália seguem-se no alinhamento com uns figurinos em tons roxos, mas com alguns apontamentos em escuro. Admitem estarem surpreendidos pelo favoritismo à vitória e "muito contentes" por toda a aceitação do seu tema.


17h36 - Montaigne, da Austrália, deixou uma mensagem para a transmissão. A cantora não rumou a Roterdão devido às restrições de viagens e será representada pela atuação backup.

17h37 - Blas Cantó, representante espanhol, faz-se acompanhar pelos cinco backing singers da sua prestação que usam roupa escura. Por outro lado, o cantor enverga um fato azul claro, conforme havia revelado anteriormente nas redes sociais, e garante que tem tudo "corrido muito bem" na comitiva de Espanha.


17h39 - O representante da Macedónia do Norte chega à Turquoise Carpet com uma coroa espelhada, fazendo-se acompanhar por dois elementos que também contam com apontamentos espelhados na sua roupa.

17h43 - Jeangu Macrooy, representante dos Países Baixos, faz-se acompanhar pelos três bailarinos da sua atuação, um deles o seu irmão gémeo. O cantor usa um figurino verde, enquanto os restantes elementos optaram por outras cores.

17h46 - A cantora de Israel vai de branco para a Cerimónia de Abertura e faz-se acompanhar pelos seus bailarinos e mais alguns elementos da comitiva.

17h50 - James Newman, representante do Reino Unido, também se faz acompanhar por vários elementos no desfile da comitiva, usando o figurino mais descontraído da tarde até ao momento.

17h53 - Tusse, da Suécia, chega à Turquoise Carpet com um fato verde, sendo acompanhado pelos quatro bailarinos da sua prestação eurovisiva.

17h56 - Os Hooverphonic, representantes da Bélgica, optaram por uns figurinos bastante discretos, apostando em tons escuros para a passadeira desta tarde.


18h01 - A cantora da Irlanda, Lesley Roy, faz-se acompanhar por vários elementos da sua delegação, com um look bastante descontraído.


18h05 - Efendi, representante do Azerbaijão, vai de rosa para a Turquoise Carpet, fazendo-se acompanhar por um elemento da delegação. 

18h08 - A delegação de Chipre segue-se no desfile, com Elena Tsagrinou a apostar num vestido rosa e amarelo, enquanto a restante delegação apostou em tons escuros.

18h11 - O irreverente TIX, representante da Noruega, trouxe a habitual roupa dourada, adornado com vários adereços, e o casaco branco de grandes dimensões.

18h15 - Quem também arriscou foi a delegação da Croácia, com Albina a usar uma roupa cinza, bastante irreverente. Os quatro bailarinos vão de branco e com uns bonés, constituídos apenas pela pala.

18h17 - A delegação da Roménia seria a próxima a marcar presença, sendo apresentado um excerto do videoclip. Duncan Laurence deixa uma mensagem para todos.

18h20 - Os Go_A, representantes da Ucrânia, vão de branco para a Turquoise Carpet, com um figurino muito parecido aquele com que nos têm presenciado. 

18h23 - Uku Suviste da Estónia continua a ser um dos artistas com mais estilo na Eurovisão deste ano e aposta num fato azul escuro para a cerimónia, adornado com um laço preto. 

18h25 - A delegação de São Marino é encabeçada por Senhit, com um dos vestidos mais espalhafatosos do desfile, inspirado na tradição japonesesa. Os bailarinos trazem figurinos muito parecidos aqueles que vimos na atuação. A estrutura dourada da atuação marca também presença.

18h27 - Vemos agora um excerto da canção de Malta.

18h28 - Benny Cristo, representante da República Checa, segue-se no desfile, fazendo-se acompanhar por vários elementos da comitiva. O cantor leva um figurino bastante descontraído em tons de azul e branco.

18h31 - Stefania, a representante da Grécia, faz-se acompanhar pelos seus bailarinos e a treinadora vocal, tendo a delegação apostado em figurinos bastante escuros.

18h32 - Vincent Bueno chega sozinho à Turquoise Carpet do Festival Eurovisão 2021. O cantor da Áustria leva um figurino bastante simples, apostando num fato em tons de cor de vinho.


18h36 - O cantor da Geórgia apresenta-se sozinho no desfile das comitivas, munido de um cachecol e uma máscara alusivas ao Festival Eurovisão 2021, bem como uma bandeira da Geórgia.

18h38 - A delegação da Polónia desfilaria nesta posição na cerimónia de hoje.


18h39 - Natalia Gordienko, representante da Moldávia, apresenta-se com Philip Kirkorov na Turquoise Carpet. A cantora apostou num figurino preto, com vários apontamentos em prateado.

18h42 - Os The Black Mamba, representantes de Portugal, são os próximos no desfile das comitivas. Tatanka leva um fato branco, enquanto os restantes músicos apostaram noutras cores: rosa, amarelo, azul e verde. A banda portuguesa falou da história da canção "Love Is On My Side", bem como do palco da atuação.


18h45 - Depois da mensagem dos apresentadores, a delegação da Sérvia  segue-se no desfile das comitivas em Roterdão. As três cantoras apostaram em figurinos dourados e brancos e a sensualidade é palavra de ordem.

18h48 - Os Blind Channel, da Finlândia, apostaram em figurinos escuros para o desfile das comitivas, bastante em sintonia com o histórico da banda e a atuação que farão no palco do Festival Eurovisão 2021.


18h50 - Com um dos vestidos mais sensuais da edição, Anxhela Peristeri, representante da Albânia é a próxima a desfilar no evento. A cantora vai de vermelho, com um chapéu bastante notório, fazendo-se acompanhar por um elemento da delegação.

18h52 - Gjon's Tears é o próximo a passar nas entrevistas da cerimónia. O cantor da Suíça usa um casaco semitransparente branco, enquanto apostou numas calças vermelhas e uma camisola com apontamentos escuros.

18h54 - A Islândia também falhou a cerimónia de hoje devido a um caso positivo dentro da comitiva.


18h57 - Samanta Tina não deixa ninguém indiferente e hoje não é excepção. A cantora da Letónia usa um vestido verde, bastante semelhante ao que vemos na atuação, com as backing singers a desfilarem com as já esperada viseiras.

18h59 - O cantor da Polónia deixou uma mensagem para todos, encontrando-se em isolamento devido a um caso positivo na comitiva polaca.


19h01 - A cantora da Bulgária segue-se no alinhamento, falando sobre a fotografia que usa no palco do Festival Eurovisão 2021. Victoria surge com um figurino bastante discreto.

19h05 - A irreverente dupla da Dinamarca é a última a desfilar no Terminal de Cruzeiros de Roterdão. A dupla aposta nuns figurinos com inspirações nos anos 80, tal como fizeram em palco.


19h07 - Chegou ao fim a Turquoise Carpet do Festival Eurovisão 2021. Quais foram os seus favoritos?

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte/ Imagem e Vídeo: Eurovision.tv 

9 comentários:

  1. Estou aqui aguardando a transmissão pelo Youtibe

    ResponderEliminar
  2. Anónimo17:27

    Olha a Destiny a fazer-se de coitadinha para tenham pena dela🙄

    ResponderEliminar
  3. Anónimo17:38

    O Koos van Plateringen fez uma péssima entrevista aos Maneskin

    ResponderEliminar
  4. Anónimo17:54

    O Tusse é um sopinha de massas! So cute😍

    ResponderEliminar
  5. Vai ser dificil bater a cerimonia de abertura de 2018...

    ResponderEliminar
  6. Anónimo19:09

    Pessoalmente estou a achar a cerimónia muito "sem sal".Competente mas sem a emoção que seria de esperar na abertura de um festival de musica.Certo que a pandemia e o tempo não ajudaram mas não ha dinamismo por parte dos apresentadores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo20:56

      Achei o mesmo, os jornalistas estiveram um bocado aquém do esperado, em particular Koos van Plateringen que fez algumas perguntas estranhas e que deixou alguns artistas pouco à vontade(em particular o Uku da Estónia).
      Em geral acho que esta cerimónia de abertura foi bem melhor que a de 2019, mas acho que a de 2018 foi melhor, sei que é uma opinião imparcial, mas acho que os jornalistas portugueses fizeram um melhor trabalho recebendo as diferentes comitivas e não deixaram ninguém desconfortável.

      Eliminar
    2. Provavelmente quis dizer... parcial. Será?

      Eliminar
    3. Anónimo00:28

      Sim, queria dizer que a minha opinião sobre a cerimónia de abertura de 2018 era parcial

      Eliminar