Suíça: "Tout l'univers" foi escrita originalmente em inglês


Gjon's Tears revelou que a versão original de "Tout l'univers" foi escrita em inglês, com o título "Ground Zero".


A um mês e meio do concurso, Gjon's Tears revelou, em entrevista ao site 20minutes.fr, alguns pormenores sobre o processo criativo de "Tout l'universe", bem como sobre o seu significado. Segundo o mesmo:

"Esta canção foi escrita originalmente em inglês, com o título Ground Zero. Inicialmente, significa o epicentro de uma explosão, e com o 11 de setembro a palavra ganhou força, tornou-se mais do que isso. Queria expressar as sensações que me inspirou, mas em francês, não há equivalente. É por isso que, quando traduzimos a música, falamos sobre destruição e reconstrução. O segundo tema é o fato de que a única pessoa que nos pode salvar das situações mais complicadas somos nós mesmos. Então, Tout l'univers fala sobre auto-reconstrução, e eu queria que víssemos mais além. É por isso que os temas de espaço e grandeza eram tão importantes. Visualmente, eu precisava que esse ponto de impacto fosse visto. O primeiro título da canção em francês era Point d´impact, mas achei muito sombrio, muito duro. Perdemos a ideia da vastidão do espaço e do otimismo."

Gjon's Tears foi escolhido internamente pela SRF para representar a Suíça no Festival Eurovisão 2020, com a canção "Répondez-moi". Com o cancelamento da edição de 2020, foi novamente escolhido pela emissora  para representar o país em 2021, com a canção "Tout l'universe". À semelhança de 2020, Gjon's Tears é apontado como um dos favoritos à vitoria, ocupando de momento o segundo lugar nas casas de apostas. 



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: AP / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv


Sem comentários