ESC2021: EBU/UER pede à Bielorrússia que mude de canção


A UER pediu à Bielorrússia que altere a sua canção para a Eurovisão por esta por em causa "a natureza não-política do concurso".


A União Europeia de Radiodifusão emitiu um comunicado sobre a escolha da Bielorrússia para a Eurovisão 2021. Segundo o organismo que tutela o concurso, a canção do país "põe em causa a natureza não-política do concurso". Foi pedido à BTRC que altere a canção ou escolha uma nova.

No comunicado é possível ler que "como parte do procedimento regular para todas as canções submetidas para o Festival Eurovisão da Canção, a EBU escrutinou cuidadosamente a canção bielorrussa "Ya Nauchu Tebya (I'll Teach You)" dos Galasy ZMesta para ter a certeza que cumpre todas a regras da competição. Concluímos que a canção põe em causa a natureza não-política do concurso. Para além disso, as recentes reações a esta canção arriscam deitar por terra a reputação do concurso. Escrevemos à emissora BTRC, que é responsável pela participação da Bielorrússia no Eurovision Song Contest, para os informar que a canção, tal como está, não é elegível para participar no concurso. Para além disso, pedimos que tomem todos os passos necessários para submeterem uma nova versão, ou uma nova canção, que cumpra as regras da Eurovisão. Caso isso não aconteça, o país corre o risco de ser desqualificado do concurso deste ano".




Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovision.tv

3 comentários:

  1. Anónimo17:14

    A música já foi retirada do canal oficial.
    Penso que a Bielorrúsia vai acabar mesmo por desistir este ano.

    ResponderEliminar
  2. É o melhor que tem a fazer... Onde já se viu usar a Eurovisão para ir fazer propaganda a uma ditadura

    ResponderEliminar
  3. Anónimo17:13

    Em Portugal devia acontecer o mesmo...

    ResponderEliminar