Macedónia do Norte: Vasil Garvanliev reage às polémicas através das redes sociais


 

Vasil Garvanliev utilizou as redes sociais para reagir às polémicas em torno da sua participação no Festival Eurovisão 2021: "Na música não há religião, política, orientação sexual, raça ou cor.".


Escolhido internamente pela MRT para representar a Macedónia do Norte no Festival Eurovisão 2021 com "Here I Stand", o cantor Vasil Garvanliev utilizou, as redes sociais, para reagir às polémicas que foram criadas em torno da sua participação em Roterdão. "Quero aproveitar esta oportunidade para agradecer à Europa e ao mundo pelas inscríveis reações, mensagens, amor e apoio" escreveu o cantor na sua conta do Instagram, explicando a polémica com a alegada bandeira búlgara no videoclip oficial, "Infelizmente, no fim de semana passado, as coisas tomaram uma direção diferente na minha bela Macedónia e tivemos de remover e enviar o vídeo novamente (devido a uma interpretação errada de uma peça de arte tríptica na parede)".

O cantor descarta qualquer mensagem subliminar no videoclip entretanto substituído, reagindo também às mensagens xenofobas e homofóbicas quem tem recebido desde o início da polémica: "Eu sou um embaixador da música e na música não há religião, política, orientação sexual, raça ou cor. Eu não tinha absolutamente nenhuma intenção de magoar alguém. Muito pelo contrário! Estou muito orgulhoso deste projeto que não só me representa a mim, mas também o meu país e cultura" escreveu, finalizando com "Eu não me desculpo por ser eu. Porém, se magoei alguém de qualquer forma, do fundo do meu coração, sinto muito".

Vasil Garvanliev foi escolhido internamente pela MRT para representar a Macedónia do Norte no Festival Eurovisão 2020 com "You", depois de ter integrado o coro de Tamara no Festival Eurovisão 2019 em Telavive.
  

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: MRT/ Imagem: Google/ Vìdeo: Youtube

Sem comentários