ESC2021: Itália sugeriu que concorrentes da Eurovisão 2020 atuassem em 2021


A emissora pública italiana sugeriu à EBU/UER convidar os participantes da Eurovisão 2020 para atuarem num interval act em 2021.


Claudio Fasulo, supervisor executivo do Festival de Sanremo, revelou numa conferência de imprensa que a emissora italiana sugeriu à EBU/UER e aos organizadores holandeses que os concorrentes que iam competir na Eurovisão 2020, mas não foram escolhidos para o concurso de 2021, fossem convidados a atuar como interval act. Fasulo explicou que a União Europeia de Radiodifusão e a emissora holandesa recusaram esta ideia. 

Os concorrentes que deviam competir em 2020 e não vão voltar este ano são:
(Uku Suviste e The Mamas continuam a concurso nas finais nacionais)

Albânia - Arilena Ara
Alemanha - Ben Dolic
Bielorússia - VAL
Croácia - Damir Kedzo
Chipre - Sandro
Dinamarca - Ben & Tan
França - Tom Leeb
Itália - Diodato
Noruega - Ulrikke
Portugal - Elisa

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem: AVROTROS

2 comentários:

  1. Que grande ideia da Itália, eu apoio totalmente mas duvido que a EBU o faça, mas vamos ver.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:06

      A notícia diz que tanto a EBU comp a organização holandesa recusou a ideia

      Eliminar