JESC2020: Mudanças na apresentação dos votos no Festival Eurovisão Júnior 2020

 

O Festival Eurovisão Júnior 2020 contará com uma grande mudança no sistema de apresentação dos votos dos júris nacionais: os 12 pontos, a pontuação mais alta, será atribuída em primeiro lugar.


Os estúdios da TVP em Varsóvia receberam, esta manhã, o primeiro ensaio geral do Festival Eurovisão Júnior 2020, tendo sido revelado uma grande mudança no sistema de apresentação dos votos dos júris nacionais. Além dos porta-vozes estarem nos próprios países, algo que não acontecia desde 2012, os responsáveis pela atribuição dos pontos anunciarão, em primeiro lugar, o país que recebeu a pontuação máxima, os 12 pontos, sendo que a restante pontuação (1-7, 8 e 10 pontos) será apresentada no ecrã.


O Festival Eurovisão Júnior 2020, que terá lugar em Varsóvia, contará com doze países a concurso: Alemanha, Bielorrússia, Cazaquistão, Espanha, França, Geórgia, Malta, Países Baixos, Polónia, Rússia, Sérvia e Ucrânia. A Arménia integraria a competição deste ano, mas optou por retirar-se da competição devido à lei marcial decretada no país. Albânia, Austrália, Irlanda, Itália, Macedónia do Norte, País de Gales e Portugal marcaram presença no concurso em 2019, mas optaram por ficar de fora do concurso deste ano, que ficará marcado por atuações pré-gravadas nos países de origem. 

 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: JuniorEurovision/ Imagem: Google / Vídeo: Youtube

2 comentários:

  1. Pessoalmente não gosto da ideia

    ResponderEliminar
  2. Não tem grande impacto devido à reviravolta que sempre acontece após a votação dos televotantes.

    ResponderEliminar