Estónia: Uku Suviste não beneficiou da vaga assegurada nas semifinais do 'Eesti Laul 2021'


Tomi Rahula, chefe de delegação da Estónia, revelou que Uku Suviste não beneficiou da vaga direta para as semifinais do Eesti Laul 2021: "A canção é muito forte (...) Foi aprovada pelo comité, sem precisar de qualificação direta".

Depois do cancelamento do Festival Eurovisão 2020, a Estónia foi o primeiro país a confirmar a realização de uma nova edição da final nacional para a escolha dos seus representantes em 2021, tendo assegurado uma vaga nas semifinais para Uku Suviste, vencedor do Eesti Laul 2020. Deste modo, a presença do cantor na lista de participantes na edição deste ano não surpreendeu... mas Tomi Rahula, chefe de delegação e produtor do evento, garante que o artista não beneficiou da qualificação direta.

"A canção do Uku Suviste é muito forte. Gosto mais desta ["The Lucky One"] do que a anterior ["What Love Is"]" referiu o produtor do evento, revelando que o artista pediu para que a canção fosse submetida ao painel de apuramento, visto "não fazer sentido participar num concurso se o painel não considerasse a canção competitiva o suficiente". " A canção do Uku foi submetida para o comité, que a aprovou normalmente. Não foi usada nenhuma qualificação direta" frisou Toni durante a transmissão do Ringvaade.
 
Recorde, de seguida, aos semifinalistas do certame:

Uku Suviste - "The Lucky One"
Gram-Of-Fun - "Lost In A Dance"
Jüri Pootsmann - "Magus Melanhoolia"
Andrei Zevakin & Pluuto - "Wingman"
Hans Naya - "One by One"
Tuuli Rand - "Üks öö"
REDEL - "Tartu"
Kéa - "Hypnotized"
Nika Marula - "Calm Down"
WIIRALT - "Tuuled"
Helen - "Nii Kõrgele"
Koit Toome - "We Could Have Been Beautiful"


Karl Killing – "Kiss me"
Egert Milder – "Free again"
Rahel – "Sunday night"
Sissi – "Time"
Alabama Watchdog – "Alabama Watchdog"
Kristin Kalnapenk – "Find a way"
Tanja – "Best night ever"
Heleza – "62
Uku Hasma – "Kaos"
Suured Tüdrukud – "Heaven’s not that far tonight"
Kadri Voorand – "Energy"
Ivo Linna, Robert Linna, Supernova – "Ma Olen Siin"

Estreante em 1994, a Estónia participou em 25 edições do Festival Eurovisão, registando uma vitória (2001), um terceiro lugar (2002) e 16 presenças na grande final. Em Telavive, Victor Crone representou o país com "Storm", terminando em 20.º lugar com 76 pontos, nenhum oriundo de Portugal, apesar de ter sido o mais votado do televoto português na semifinal. Em 2020, a Estónia seria representada por Uku Suviste e "What Love Is".




Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ERR/ Imagem: Google/ Vìdeo: Youtube

Sem comentários