Estónia: ERR com mais de 100 inscrições para o 'Eesti Laul 2021'


A escassos dias do fecho das inscrições, a emissora estatal da Estónia revelou que já recebeu mais de 100 canções para o Eesti Laul 2021. 

A emissora estatal da Estónia anunciou, esta manhã, que já recebeu mais de 100 inscrições para o Eesti Laul 2021, final nacional do país para o Festival Eurovisão 2021. As inscrições decorrem até 6 de novembro, sendo que um painel de jurados será o responsável pela escolha dos 24 temas que disputarão as semifinais do certame, agendadas para 18 e 20 de fevereiro, enquanto a Grande Final, que decorrerá a 6 de março, contará com 12 temas. 

Tal como ano passado, o custo de participação é de 25 euros para canções em estónio e 75 euros para canções noutras línguas, sendo que o custo duplica para as submissões enviadas a partir de 1 de novembro. A taxa é paga eletronicamente, com o valor a integrar o fundo de financiamento da participação do país. Cantores e compositores estrangeiros podem participar, desde que colaborem com um cidadão e/ou residente na Estónia, com o limite de cinco trabalhos por pessoa.

No entanto, apesar do elevado número de candidaturas, a emissora ERR espera ultrapassar as 176 canções recebidas para a edição de 2020, frisando que o maior volume de inscrições costuma chegar nos últimos dias de inscrições.

Uku Suviste, vencedor do Eesti Laul 2020, tem uma vaga assegurada nas semifinais da competição de 2021, depois do cancelamento do Festival Eurovisão 2020. No entanto, o cantor ainda não confirmou oficialmente a participação.

 
Estreante em 1994, a Estónia participou em 25 edições do Festival Eurovisão, registando uma vitória (2001), um terceiro lugar (2002) e 16 presenças na grande final. Em Telavive, Victor Crone representou o país com "Storm", terminando em 20.º lugar com 76 pontos, nenhum oriundo de Portugal, apesar de ter sido o mais votado do televoto português na semifinal.



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ERR/ Imagem: Google/ Vìdeo: Youtube

Sem comentários