JESC2020: Desclassificação de Maksym Tkachuk na Ucrânia causa polémica


O jovem cantor Maksym Tkachuk foi desclassificado da final nacional da Ucrânia para o Festival Eurovisão Júnior 2020 depois de ter atuado em Londres... num concurso organizado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros da Rússia.

A imprensa ucraniana avançou, esta manhã, com a desclassificação de Maksym Tkachuk da final nacional da Ucrânia para o Festival Eurovisão Júnior 2020, revelando uma carta da UA:PBC recebida pela tutora legal do jovem. Segundo Larisa Vladimirovna, avó do cantor, o jovem artista foi desclassificado por não ter cumprido "a quarta cláusula do parágrafo 3.4 que estabelece que os participantes devem concordar em não participar em concertos (...) do país agressor ou no território do país agressor, na República Autónoma da Crimeia e/ou no território ocupado da Ucrânia após 15 de março de 2014, bem como não planear nem anunciar tais atividades até ao fim do concurso internacional".

A desclassificação do jovem baseia-se na sua participação no Stars of the Albion, em Londres, com a avó do artista a garantir que a desclassificação deveu-se à vitória do mesmo com a canção soviética "Smuglyanka", frisando que receberam ameaças de nacionalistas e representantes do partido político Svoboda para não interpretar a canção, sendo também acusados de propaganda ao regime russo.

Por sua vez, Zurab Alasania, diretor da UA:PBC, revelou, nas redes sociais, que a tutora do jovem não revelou a participação do artista no concurso em Londres que contou com organizaçãodo Ministério dos Negócios Estrangeiros da Rússia, algo que viola as regras da competição. Zurab Alasania acusou também a imprensa pró-russa de gerar "indignação com o jovem orfão e a mensagem patriótica da canção «Smuglyanka»".
  
Com inscrições abertas até 25 de agosto, a UA:PBC selecionará 11 artistas para a Final da competição, sendo oito cantores com canções originais, dois cantores com covers e o cantor com o vídeo com maior número de likes. De 28 de agosto a 4 de setembro, os candidatos gravarão as versões finais das suas canções, com a votação a decorrer de 5 a 8 de setembro. Uma combinação da votação online e de um júri será responsável por escolher o vencedor, que será anunciado até 12 de setembro.
  
Estreante em 2006, a Ucrânia participou por 14 ocasiões no Festival Eurovisão Júnior, tendo ganho a edição de 2012 com Anastasiya Petryk e "Nebo". Com dois segundos lugares no curriculum, em 2008 e 2013, o país organizou a competição em 2009 e 2013. Em Gliwice, Sophia Ivanko representou o país com "The Spirit of Music", terminando em 15.º lugar com 59 pontos.


 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: UA:PBC/Eurovoix/ Imagem: Google / Vídeo: Youtube

Sem comentários