[Olhares sobre o FC2020] "Rebellion" e "Medo de Sentir"


"Rebellion" e "Medo de Sentir" seguem-se nas análise do Olhares sobre o Festival da Canção 2020. Haverá novo líder na votação?

Mais uma vez, as canções do Festival da Canção serão analisadas e comentadas por um painel de colaboradores do ESCPORTUGAL. A ordem seguida será a de atuação nas semifinais do concurso, sendo que os comentadores atribuem também uma pontuação a cada canção, de 1 a 12 pontos, permitindo assim classificá-las da mais para a menos votada.

"Rebellion", dos Blasted, e "Medo de Sentir", de Marta Carvalho, seguiram-se nas análises do painel, com a canção interpretada por Elisa a aproximar-se da liderança com 86 pontos, enquanto a canção dos Blasted ocupa a quarta posição provisória com 56 dos 108 possíveis.

Para ler os comentários basta clicar no seu respetivo título. Convidámos também os nossos leitores a deixarem as suas apreciações na caixa de comentários.

Classificação Geral Provisória:

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte e Imagem: ESCPortugal

9 comentários:

  1. Anónimo00:41

    A diferença é que os outros países mandam músicas num espírito de competição . Já Portugal é vamos fazer música portuguesa e blabla tipo últimos lugares garantidos

    ResponderEliminar
  2. Anónimo10:26

    Pois agora dao pontuaçao super baixa aos blasted... Se fosse na semana passada eram primeiros

    ResponderEliminar
  3. Passe-Partout, igual a galicismos (francesices), não consegue ter piada, apesar de todos os esforços em que a um tema genérico sobre uma separação pouco amigável se junta uma música dos princípios do século 20. Não me parece uma obra de muito bom gosto e estou mesmo em crer que na Eurovisão iriam estranhar muito a introdução deste tipo de música no festival em representação da emissora estatal portuguesa. Pontuação: 0 pontos.

    ResponderEliminar
  4. "Medo de Sentir" por traumas do passado é um tema básico e musicalmente pouco rico. A interpretação é um pouco morna e a canção em si tem pouca força, por isso não me parece uma mais valia entre as concorrentes já conhecidas do eurofestival. No entanto, tendo em conta as outras participantes do FC é a mais razoável.Dou: 6 pontos.

    ResponderEliminar
  5. Gerbera Amarela do Sul, uma forma muito rebuscada de dizer o que vai mal nos sistema ao som de uma música folk que se interinamente já se torna desinteressante para rumar a outras paragens mais distantes ainda será menos pertinente. Dou: 8 pontos pela ousadia.

    ResponderEliminar
  6. Rebellion: uma rebelião que não deu em nada, afinal eram só uns fogachos que rapidamente foram apagados. Dou: 12 pontos porque é um género que poderia muito bem captar a atenção dos admiradores internacionais já que os arranjos musicais estavam perfeitos para aquele tipo de música.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo21:56

      Eu dou 12 pontos a "Rebellgion", porque sou perito em música!

      Eliminar
  7. "Copo De Gin" Foi um copo de gin entornado porque não chegou a haver festa.Letra e música medíocres sem pontos de interesses. Dou 4 pontos pela simpatia da intérprete.

    ResponderEliminar
  8. O dia de amanhã: já se esperava que fosse um bocado nebuloso com aquela música muito aborrecida e uma letra que diz muito sem dizer nada. Uma voz grave mas sem fascínio. Dou: 1 ponto.

    ResponderEliminar