Hungria: 'A Dal 2020' atinge recorde negativo nas audiências


Apesar de ter abandonado o Festival Eurovisão em 2020, a Hungria realizou o A Dal 2020, certame que alcançou a pior audiência de sempre na estreia.

Fora do Festival Eurovisão 2020 por razões ainda por conhecer, a emissora húngara MTVA transmitiu, recentemente, a primeira gala do A Dal 2020, formato que foi usado como final nacional para o concurso internacional entre 2011 e 2019. Contudo, a estreia ficou marcada por um recorde (muito) negativo.

O programa foi acompanhado por 204 mil espectadores, o número mais baixo da história do certame, registando uma quota de mercado de 4,7%. Comparativamente a 2013, ano em que o formato registou melhores resultados audiométricos, o concurso perdeu 708 mil espectadores, mais do triplo do valor registado na estreia deste ano.

Aceda AQUI aos excertos das canções a concurso.

Estreante em 1994, a Hungria participou em 16 edições do Festival Eurovisão, tendo como melhor resultado o 4.º lugar alcançado na sua estreia com Friderika Bayer. Depois de uma série de apuramentos consecutivos de 2011 a 2018, Joci Pápai e "Az én apám" não foram além do 12.º lugar na semifinal em Telavive com 97 pontos, tendo sido a quarta canção mais votada pelo júri português.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Wiwibloggs/Imagem/Vídeo: Eurovisiontv

1 comentário: