Albânia: Jonida Maliqi lamenta a falta de apoio da RTSH no Festival Eurovisão


A cantora Jonida Maliqi, representante albanesa em Telavive, lamentou a falta de apoio da emissora estatal aos participantes no Festival Eurovisão.


 Em entrevista no programa matinal do Top Canal, a cantora Jonida Maliqi, representante albanesa no Festival Eurovisão 2019, teceu duras críticas à emissora estatal do país relativamente ao apoio da sua delegação no concurso internacional. Segundo a cantora, a RTSH recusou-se a publicar os custos da sua participação em Telavive, com a cantora a lamentar também a falta de apoio à promoção da sua candidatura no concurso.

No entanto, Jonida Maliqi não poupou nos elogios à sua sucessora. Além de prever uma "grande pontuação" em Roterdão, apesar da versão final ainda não ter sido revelada, Jonida garante que "artistas como a Arilena aparecem uma vez em um milhão de artistas".


Estreante em 2004, a Albânia participou por dezasseis ocasiões no Festival Eurovisão, tendo disputado a grande final em nove edições. O melhor resultado remonta a 2012 quando o país foi representado por Rona Nishliu e o tema Suus, terminando na 5.ª posição da final. Em Telavive, Jonida Maliqi e "Ktheju tokës" representaram a Albânia, alcançando o 17.º lugar na Grande Final com 90 pontos, nenhum deles oriundo de Portugal.


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: RTSH/ Imagem: Google /Vídeo: Eurovisiontv

Sem comentários