[Olhares sobre o JESC2019] Malta, País de Gales, Polónia e Portugal


A edição deste ano do Olhares sobre o Festival Eurovisão Júnior continua com a análise das propostas de Malta, País de Gales, Polónia e Portugal.

É dentro de uma semana que tem lugar o Festival Eurovisão da Canção Júnior de 2019. A competição deste ano tem lugar em Gliwice, na Polónia, e conta com 19 participantes. Como já vem sendo habitual, o ESCPortugal formou um painel de comentadores, com elementos da equipa e do ESCPORTUGAL Regiões, que dará a sua opinião sobre as canções a concurso. Os comentadores atribuem também uma pontuação a cada música permitindo assim classificá-las da mais para a menos votada.

Malta, País de Gales, Polónia e Portugal seguiram-se na ordem de análise dos participantes deste ano. A proposta da Polónia foi a mais votada do dia com 96 dos 120 pontos possíveis, entrando para o quarto lugar da geral, ex-aequo com a Macedónia do Norte. Portugal, com 67 pontos, entrou para o 10.º lugar, seguido de Malta, enquanto o País de Gales entrou para a última posição, ao lado de Geórgia e Holanda.

Convidamos também os nossos leitores a deixarem as suas opiniões sobre estes temas na caixa de comentários abaixo.

Classificação Geral Provisória:
Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte e Imagem: ESCPortugal

1 comentário:

  1. MALTA:Esta intérprete vem dizer que não é a única, há mais como ela e eu acredito porque neste festival assisto a canções construídas de uma forma muito estranha tendo em conta o público principal a que se destina: 1 ponto.
    PAÍS DE GALES:Veio trazer-nos, por assim dizer um hino ao concurso o que é dispensável, pois do que ele precisa mais é de canções infantojuvenis que lhe transmitam algum fascínio, beleza e uma boa dose de talentos.Faltam aqui muitos, sim, porque são quase uma vintena de músicas a concorrer: 1 ponto.
    POLÓNIA: ganhou no ano passado com uma canção de autoria dinamarquesa mas com toda a certeza não irá repetir o feito com esta canção cigana. Como anfitriã devia ter arranjado uma música mais bonita: 1 ponto.
    PORTUGAL: Tem a melhor presença deste concurso com uma canção singela, algo ingénua ou não fosse destinada a uma franja de público muito jovem. A intérprete canta deliciosamente bem, é despretensiosa e não precisa de cantar para os céus para mostrar a amplitude da sua voz muito fresca.: 5 pontos (o meu sistema de pontuação abrange um limite de 5 pontos, não vejo necessidade de alargar para uma numeração de maior escala para talentos tão pequenos).

    ResponderEliminar