ESC2020: Emissora de Montenegro lança comunicado sobre a saída do Festival Eurovisão


Bozidar Sundic, diretor-geral da RTCG, justificou a saída de Montenegro do Festival Eurovisão em 2020 com a necessidade da emissora renovar a frota existente.


Dias depois da EBU/UER ter confirmado a saída de Montenegro do Festival Eurovisão 2020, a emissora estatal do país emitiu uma pequena declaração a justificar a decisão da retirada do concurso internacional. "A participação no Festival Eurovisão custa cerca de 130 mil euros à RTCG. Os nossos últimos representantes alcançaram resultados bastante modestos, com muitas dificuldades em classificar-se para a Grande Final" lê-se na nota assinada por Bozidar Sundic, diretor-geral da RTCG, que justifica a retirada com a necessidade de renovar a frota da emissora, "Portanto, este ano decidimos investir este dinheiro na renovação da frota da RTCG. O plano passa por comprar cinco carros novos, o que melhorará significativamente a segurança das nossas equipas que fazem mais de 1000 quilómetros diários".

Estreante em 2007, Montenegro conta com 11 participações no Festival Eurovisão, conquistando apenas 2 apuramentos para a Grande Final: em 2014, Sergej Ćetković foi 19.º classificado e, em 2015, Knez conquistou o 13.º lugar em Viena. Em Telavive, o grupo D mol representou o país com "Heaven", terminando em 16.º lugar na semifinal com 46 pontos.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCToday/ Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

1 comentário: