[ZONA DE DISCOS #90] Serhat - "That's how I feel"

Todas as semanas no ESCPORTUGAL, a crítica aos álbuns editados por artistas que participaram no concurso Eurovisão da Canção e/ou seleções nacionais ao longo dos anos. 
Esta semana, a análise recai em "That's how I feel", de Serhat.
O responsável da rubrica é Carlos Carvalho.

Lançamento: 03 de maio de 2019
Nota: 1/10
Infelizmente está na primeira semifinal e uma passagem à final não está de todo posta de lado. São Marino insiste em ser o bobo da corte mas sabe bem como entreter os fãs da Eurovisão, ora dando-lhes a diva (conotação eurovisiva) Valentina Monetta – que tanto foi adorada por "Crisalide (Vola)", em 2013 – ora oferecendo um homem que, quase inexplicavelmente, está a mexer com as hormonas da bolha eurovisiva. Se a isso adicionarmos um tema alegre que dê para bater palminhas ou abanar determinadas partes do corpo humano, o público eurovisivo ganha o céu. Inicialmente, ainda coloquei essa canção no meu penúltimo lugar. Sol de pouca dura e o atual último é mais do que merecido. Que dizer de “Say Na Na Na”? Canção que se quer assumir bem-disposta em tons retro de inspiração disco e um refrão feito para ser cantarolado por todos. Vai ser uma festa, mas não para mim.
Contudo, Serhat aparenta gostar do que faz e não podia ter arranjado melhor altura para compilar alguns dos seus temas lançados ao longo dos últimos anos e lançá-los num longa duração. Porém, e sem grande surpresa, a verdade é que não há nada de apelativo neste álbum. A abertura está a cargo de “Je M'adore”, single de 2014, que nos parece uma tentativa de recriar o não menos enervante “Mambo No. 5” (1999) de Lou Bega, sendo o restante alinhamento composto entre momentos disco – dariam uma modesta primeira parte para um concerto dos Alcazar – e baladas, sem bem que o “termo” balada, neste contexto, chega a ser uma ofensa para as verdadeiras baladas.
O grande mistério / feito do disco é sem dúvida o dueto com Helena Paparizou – uma presença de peso - em “Total desguise”, tema que também está incluído em dose dupla, mais propriamente na versão com Viktor Lazlo. A oferta de Serhat completa-se com produções de série B, com o teclado para principiantes em “Just for you”, la la las e outras simplicidades.
“That’s how I feel” é deplorável, tal como as suas duas contribuições eurovisivas – ambas com lugar neste longa duração - , mas de certa forma não deixa de ser curioso o estatuto que adquiriu no circuito eurovisivo, o de alguém que muito dificilmente será esquecido nos próximos anos e que, muito sinceramente, poderá ainda ser de novo requisitado, pelo menos uma vez mais, por São Marino.

Vídeos promocionais (de acordo com a ordem do alinhamento do álbum)
Je M'adore

I didn’t know feat. Martha Wash - I Didn't Know

Say Na Na Na

Total Desguise feat. Helena Paparizou

Must be a way

NON ERO IO (I Didnt Know)

I didn’t know (ESC Version)

Alinhamento
Je m’adore
I didn’t know ft Marta Wash
Say Na Na Na
Chocolate Flavour
Home is where we belong
Total Desguise ft Helena Paparizou
Devotion
There must be a way
Hey you
Just for you
La La La
Non ero io
Total Desguise ft. Viktor Lazlo
I didn’t know – ESC Version

A ver: Serhat "Say Na Na Na" (San Marino 2019) Interview


Pode ouvir o disco AQUI.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: OPINIÃO CARLOS CARVALHO / Imagem: GOOGLE / Vídeo: YOUTUBE

Sem comentários