Suécia: SVT reage às acusações de compra de votos de Vlad Reiser


O youtuber e cantor Vlad Reiser investiu 25 mil coroas suecas na sua participação em apostas online, prometendo dividir os lucros com os seus seguidores. A SVT deixou um alerta ao candidato apurado para o Andra Chansen.


Vlad Reiser conquistou, na noite passada, o apuramento para o Andra Chansen do Melodifestivalen 2019, tendo terminado na terceira ou quarta posição da semifinal 2 do certame com ""Nakna i regnet". No entanto, o cantor está em destaque na imprensa sueca... devido a uma alegada compra de votos.

O cantor, que tem uma grande comunidade de seguidores no Youtube, fez um vídeo para a plataforma a investir 25 mil coroas suecas (cerca de 2 mil e 300 euros) numa casa de apostas online na opção de ser ele a vencer o Melodifestivalen. Em caso de acerto, a casa de apostas dá sete vezes o valor apostado, com o artista a prometer dividir os lucros da vitória com os seus seguidores, algo a ronda as 175 mil coroas suecas (16 mil euros). "Eu vejo o meu canal e seguidores como a minha família. E estou a apostar em mim mesmo. No vídeo digo que cada um deve votar em quem acredita, assim é que a competição é justa. Mas se eu ganhar iremos celebrar juntos" respondeu o cantor a um órgão de comunicação social, garantindo que investiu este dinheiro para mostrar que acredita no seu trabalho, "Eu faço isto para mostrar que, mesmo que tenha medo ou se sinta novo em alguma experiência, o que importa é investir no que fazemos. É um gesto para mostrar que levo a participação a sério".

Questionada pelo Aftonbladet, Anette Helenius, uma das responsáveis pelo Melodifestivalen 2019, garante que a situação não se trata de uma compra de votos, mas deixou um aviso ao cantor: "Não é uma compra de votos, mas um vídeo onde ele investe em si próprio para mostrar que acredita na participação. (...) Realmente não acho que haja algo que possamos agir, visto que está dentro do regulamento. Mas vamos concentrar-nos mais nas atuações".



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Aftonbladet / Imagem: Google /Vídeo: SVT

Sem comentários