[ESPECIAL] Quem irá receber o Festival Eurovisão 2019? Conheça a cidade de Eilat


Eilat é uma das cidades israelita na corrida para receber o Festival Eurovisão da Canção de 2019, tal como avançou a imprensa do país. Neste artigo, dizemos-lhe tudo o que precisa de saber sobre uma das potenciais cidades anfitriãs da competição europeia.



A CIDADE
Cidade mais a sul de Israel, Eilat abriga cerca de 50 mil pessoas, estando localizada no extremo norte do Mar Vermelho, a escassos quilómetros do Egipto e da Jordânia. Considerada uma das cidades portuárias com mais movimento no Golfo de Aqaba, a cidade de Eilat conta com vestígios históricos  da extração do cobre datados de 7000 a.C.. Devido à localização estratégica, Eilat tornou-se um importante posto comercial com vários povos ao longo dos séculos, tendo sido sucessivamente tomada e reconquistada. Durante o domínio romano, foi construída uma estrada para ligar Eilat a Petra, na Jordânia, tendo tal construção aumentado o fluxo da extracção e comercialização do cobre.



Durante o período do Mandato Britânico, Eilat funcionava apenas como posto policial chamado Umm Rash Rash, habitado apenas por soldados jordanianos. Durante a Guerra árabe-israelita de 1948, Israel invadiu a povoação, na Operação Uvda, não tendo sido disparado nenhum tiro durante a conquistado. Contudo, para a história ficou o hastear de uma bandeira de Israel desenhada pelos soldados, sendo uma das imagens icónicas do conflito. Após a conquista, a cidade tomou o nome de Eilat, tornando-se um importante posto de Israel, dando acesso do país ao Mar Vermelho. Em 1982, a fronteira de Israel aproximou-se de Eilat com a Península do Sinai a ser desocupada pelo país e devolvida ao Egipto, algo contemplado nos Acordos de Camp David.




TRANSPORTES
Localizada a cerca de 350 km de Telavive, a maioria dos turistas que rumam a Eilat optam por alugar carro aquando da chegada ao aeroporto, destacando o bom estado das estradas de Israel, sendo que a viagem demorará cerca de 4 horas. A cidade de Eilat também tem autocarros diretos e diários a sair de Telavive (de hora a hora, com 4 horas e meia de viagem), de Jerusalém (4 saídas diárias, com 4 horas e meia de duração) e de Haifa (2 saídas diárias com uma duração de 5 horas).


Conhecido como Aeroporto J. Hozman, o aeroporto de Eilat, no centro da cidade, recebe vários voos diretos de Telavive (com uma duração de meia hora), tendo também três voos semanais oriundos de Haifa. Contudo, o novo aeroporto da cidade, Ramon Airport, localizado a 17 km do centro de Eilat, está previsto abrir em março de 2019, depois da abertura ter sido adiada de outubro de 2018 devido a atrasos na sua construção. Com uma pista de aterragem de 3600 metros, o novo aeroporto poderá receber novas aeronaves e novas rotas europeias.


O QUE VISITAR
Localizada às margens do Mar Vermelho, Eilat está localizada numa região desértica, com um clima muito quente e seco, tornando a cidade como um dos destinos de férias preferidos dos israelitas, mesmo com o aumento das movimentações militares na região nos últimos anos. A observação de aves, os passeios de camelo e as Timna Valley Park, as mais antigas minas de cobre do mundo, são algumas das atrações do deserto que rodeia o norte da cidade.


O mergulho, destacando a Reserva Natural de Coral Beach, as reservas de golfinhos Dolphin Reef e o Observatório Coral World Underwater são outras das atrações relacionadas com a vida animal que são oferecidas pela cidade de Eilat. Com 11 km de costa marítima, a zona sul de Eilat é conhecida pelas suas praias de água clara amena e com pouca corrente, sendo o mergulho turístico um dos principais sustentos do turismo da cidade: em média, são realizados 250 mil mergulhos por ano, o que representa 10% do lucro do turismo.


A proximidade com o Egipto (9km), Jordânia (3km) e Arábia Saudita (25 km) faz com muitos dos turistas que rumam a Eilat conheçam também outros países no seu redor. Um dos principais pontos de visitas a quem ruma a Eilat é a cidade histórica e arqueológica de Petra, na Jordânia. O complexo, considerado uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno, fica a cerca de duas horas de carro de Eilat, com diversas ligações diretas desde Aqaba, cidade na fronteira da Jordânia com Israel. Outra opção é a cidade de Taba, no Egipto, sendo o único posto fronteiriço entre os dois países que permite a passagem de turistas.


ALOJAMENTOS
Segundo os últimos dados, a cidade de Eilat conta com cerca de 3700 camas, divididas maioritariamente por hotéis de 2 e 3 estrelas. O facto de ser uma cidade bastante turística faz com que os hotéis mais acessíveis fiquem nos subúrbios da cidade (a 5/10 minutos do centro de carro), havendo cerca de 15 hotéis com mais de 4 estrelas no interior de Eilat. Contudo, há que também considerar os cerca de 350 apartamentos disponíveis para alugar. Porém, devido à proximidade das cidades de Taba (Egito) e Aqaba (Jordânia), se considerarmos uma distância de 20km ao centro da cidade, o número de camas disponíveis... triplica.


ARENA
Sem nenhuma infraestrutura que cumpra os requisitos mínimos do evento (o Ice Mall, centro comercial da cidade, chegou a ser considerado como uma opção, AQUI, mas tem capacidade máxima para 7500 pessoas), a cidade de Eilat tenciona organizar o Festival Eurovisão 2019 no porto da cidade. Para tal, a cidade tem como plano unir dois hangares (galpões utilizados para o estacionamento e manutenção de aviões) para albergar a competição, contando com uma capacidade de 10 mil pessoas, atingindo os mínimos exigidos pela EBU/UER, candidatura semelhante à de Berlim em 2011.


Além disso, a Câmara Municipal de Eilat apresentou a proposta de manter todos os locais necessários para o Festival Eurovisão no mesmo complexo, com o backstage, o press center e a sala de conferências em tendas nas proximidades da "arena", tal como aconteceu em Lisboa.


Não foram dadas quaisquer informações sobre os possíveis locais para o Euroclub, a Eurovillage e para a Cerimónia de Abertura. 

Fique atento aos próximos artigos e conheça as restantes cidades 

 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL / Imagem: Google / Vídeo: Youtube

Sem comentários