ESC2018: EBU/UER proíbe transmissão do Festival Eurovisão 2018 na China


Depois do boicote às atuações da Albânia e Irlanda, a EBU/UER anunciou o fim da parceria com a emissora chinesa e proibiu a transmissão do Festival Eurovisão 2018 na China.

A emissora chinesa MangoTV boicotou, na passada quarta-feira, a transmissão das atuações da Albânia e da Irlanda na semifinal 1 do Festival Eurovisão 2018, tal como pode recordar AQUI, devido às tatuagens do cantor albanês e do conteúdo LGBT na atuação irlandesa. A EBU/UER, organismo máximo do evento, reagiu esta tarde ao boicote, anunciando o fim da parceria com a emissora chinesa: "O boicote não está de acordo com os valores de universalidade e inclusão da EBU/UER e a nossa orgulhosa tradição de celebrar a diversidade através da música. É lamentável e como tal encerramos imediatamente a nossa parceria com a emissora, não permitindo a transmissão da segunda semifinal e da Grande Final".


Aceda, de seguida, às atuações da Albânia e da Irlanda na semifinal 1 do evento:



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: EBU/UER / Imagem/Vídeo: Eurovision.tv

8 comentários:

  1. Anónimo20:42

    Acho uma atitude bastante sensata.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo21:15

    Lá vão as audiências da Eurovisão por água abaixo

    ResponderEliminar
  3. Anónimo22:38

    Não precisamos da audiência deles, alem do mais...NÃO PRECISAMOS!!!!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo22:40

    Aplaudo, a melhor decisão da ABU/UER.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo23:34

    Muito Bem!!!

    ResponderEliminar
  6. Anónimo00:40

    Acho muito bem! NÃO À CENSURA!

    ResponderEliminar
  7. 舔厕所10:02

    Acho muito bem! NÃO À CENSURA!

    ResponderEliminar