[VÍDEO] ESC2018: Ari Ólafsson e "Our Choice" representam a Islândia em Lisboa


Ari Ólafsson e "Our Choice" são os representantes da Islândia no Festival Eurovisão 2018, depois da vitória no Söngvakeppni 2018.


Apesar de ter perdido a primeira votação da Final do Söngvakeppni 2018, o cantor Ari Ólafsson, com "Our Choice", conquistou a vitória na competição, adquirindo o direito de representar a Islândia no Festival Eurovisão 2018. Dagur Sigurðsson e "Í stormi", vencedores da primeira ronda de votação com o favoritismo do público e do júri, ficou no segundo lugar da SuperFinal.

[EM ATUALIZAÇÃO]

1.ª Ronda
1.º Dagur Sigurdsson - "Ì stormi" - 44 730 pontos (24547T + 20183J)
2.º Ari Ólafsson - "Our Choice" - 35 861 pontos (18408T + 17453J)
3.º Heimilistónar - "Kúst og faejó" - 31 802 pontos (17619T + 14183J)
4.º Aron Hannes - "Gold Digger" - 30 938 pontos (14848T + 16090J)
5.º Fókus - "Battleline" - 25 950 pontos (12859T + 13091J)
6.º Áttan - "Here for You" - 13 997 pontos (3360T + 10637J)

2.ª Ronda
1.º Ari Ólafsson - "Our Choice"
2.º Dagur Sigurdsson - "Ì stormi"


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte/Imagem/Vídeo: RÚV

11 comentários:

  1. Anónimo22:44

    A melhor... sem dúvida.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:53

      nao acho nada.. cançao é muito direita do inicio ao fim... cançao fraca.

      Eliminar
  2. Anónimo22:45

    Isto faz me lembrar When a men loves a women... A Islandia escolheu mesmo a musica mais datada que tinha. Com Bttleline escolheram isto

    ResponderEliminar
  3. Anónimo23:57

    A que ficou em segundo lugar era a melhor efeefetivamen..

    ResponderEliminar
  4. Anónimo00:39

    Tem uma melodia lá pelo meio aceitável....mas se as pessoas achavam o Salvador antiquado,então o que dizer disto?Parece que veio transportado da Eurovisão de 1994.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo02:07

    esta canção é fantástica..... maravilhosa

    ResponderEliminar
  6. Anónimo10:09

    Meh.... não gosto! A canção falta-lhe "brilho", "star quality", nem sei explicar....

    A voz também não me convenceu. Parece sempre em esforço e no limite da desafinação....

    Sinceramente recorda-me a proposta da Irlanda em 2017. Portanto a Islândia arrisca-se a ficar pela semi-final outra vez!

    ResponderEliminar
  7. Anónimo12:20

    Não havia melhor para escolher...

    ResponderEliminar
  8. Anónimo13:12

    Os islandeses que comecem a rezar à Nossa Senhora da Nuvem Vulcânica porque para chegarem à final vão precisar muito do seu auxílio :D

    ResponderEliminar
  9. Anónimo15:00

    Deve ter o mesmo destino que a Eslovénia o ano passado

    ResponderEliminar
  10. Anónimo23:18

    Esta canção era a melhor! É muito bonita e a interpretação foi excelente! Pena que tenham passado outras de pior qualidade! Só conta o folclore e não a verdadeira música! Obrigado pelo facto de a Islândia ter deixado este legado ao mundo inteiro!

    ResponderEliminar