FC2018: Festival da Canção com transmissão em Língua Gestual Portuguesa


A RTP revelou, esta tarde, que o Festival da Canção 2018 contará com uma transmissão em Língua Gestual Portuguesa.

A RTP anunciou, esta tarde, na página oficial do Festival da Canção que o concurso que selecionará o representante de Portugal no Festival Eurovisão 2018 contará com uma transmissão em Língua Gestual Portuguesa. A competição, que será acompanhada em direto por um intérprete de Língua Gestual, poderá ser seguida em rtp.pt/wportal/acessibilidades/gestual.


De realçar que, a transmissão paralela em língua gestual é utilizada em vários países. Por exemplo, na Suécia, a SVT tem uma transmissão em língua gestual que, em 2015, se tornou viral em todo o mundo, como pode recordar de seguida:



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte/Vídeo: RTP / Imagem: ESCPortugal

9 comentários:

  1. Ricardo Alves20:46

    Na Suecia, gostei mais do interprete de lingua gestual que o cantor :)

    ResponderEliminar
  2. Anónimo21:33

    Da Suécia, RTP só "copia" aquilo que lhe convém porque, outras coisas para poder melhorar, a sério, o Festival da Canção isso já não faz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo12:07

      Copia? Lamento informar que pessoas com deficiências auditivas não existem apenas na Suécia

      Eliminar
    2. Anónimo12:28

      Não aprovo muitas das opções da RTP, mas neste caso, os surdos também têm direito a poder usufruir do Festival da Canção. Venha ele a ser excelente, mediano ou insuficiente.

      Eliminar
    3. Anónimo14:40

      Anónimo do 12:07, eu não disse que esta iniciativa era uma má ideia, ela é uma excelente ideia. O que disse foi que a RTP só copia aquilo que lhe convém porque há outras coisas com que a RTP podia aprender com a SVT. Em 2017, a RTP "reformulou" o Festival e a música que ganhou, também ganhou na Eurovisão, com muita sorte. Eu não sou hipócrita, eu nunca gostei do "Amar pelos Dois", mas claro que fiquei contente por Portugal ter ganho a Eurovisão. Se Portugal podia ter ganho com uma canção melhor, podia. Isso só não acontece porque a RTP tem uma visão tradicionalista e retrógrada, que não tem a consciência que os géneros musicais e que o consumo de música dos portugueses mudaram muito em 50 anos. E este ano a RTP está a voltar a cometer os mesmos erros do passado.

      A Suécia, em 2010, pela primeira vez, não passou à final da Eurovisão e, em 2011, reformularam o Melodifestivalen, e desde então ganharam 2 vezes (2012 e 2015), ficaram em 3º lugar duas vezes (2011 e 2014) e em 5º lugar duas vezes (2016 e 2017).

      Em vez de nós [portugueses] estarmos a criticar os sucesso dos outros, devíamos era estar a aprender com eles para não voltarmos a ganhar a Eurovisão daqui a 49 anos.

      Eliminar
    4. Anónimo19:19

      Também não percebi...explique me lá então por que é que "convem" à RTP copiar a Suécia no que toca à linguagem gestual? Tem a noção do rídiculo do seu comentário? A inclusão de todas as pessoas é um dever de qualquer estação pública. Não misture alhos com bugalhos

      Eliminar
    5. Anónimo21:53

      Só em 2018 é que a RTP se lembra que também existe surdos em Portugal. Desde 2010, que a SVT tem linguagem gestual no Melodifestivalen. A RTP nunca vai conseguir prestar um serviço público igual ou melhor que a SVT. Tente informar-se melhor antes, para que não pareça tão ridículo.

      Eliminar
  3. Anónimo23:03

    Estou a ver que é super fã da Suécia. Caramba eles realmente inventam tudo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:09

      Quando se tem a noção de duas realidades diferentes, chega-se à conclusão que o nosso país ainda tem muito para melhorar em muita coisa...

      Eliminar