Todas as quartas-feiras no ESCPORTUGAL, a crítica aos álbuns editados por artistas que participaram no Concurso Eurovisão da Canção e/ou Festival da Canção ao longo dos anos. Esta semana o destaque vai para o mais recente álbum de Charlotte Perrelli. 
O responsável da rubrica é Carlos Carvalho.

Charlotte Perrelli - Mitt Liv  (2017)


Data de lançamento: 26 de fevereiro de 2017
Nota: 8/10

Ainda bem que Charlotte Perrelli decidiu voltar à corrida do Melodifestivalen em 2017. Caso decidisse fazê-lo um ano mais tarde, em 2018, seria injustamente acusada pelas más- línguas das redes sociais de querer ser consequência de um hipotético efeito Salvador Sobral. Embora esta presumível comparação não seja desprovida de sentido, não queremos com isto afirmar que 'Mitt liv' seja musicalmente próxima de 'Amar pelos dois', mas queremos deixar subentendida a ideia de que a vencedora da Eurovisão 1999 decidiu sair da sua zona de conforto, apresentando um disco pop, mas (aqui vem a surpresa) muito longe dos álbuns talhados para o imediato consumo de massas, como foram os casos dos bem-sucedidos Hero (2008) ou The Girl (2012), ambos top 10 no mercado sueco.

Quem conhece a discografia de Charlotte, sabe que Charlotte até se tem esforçado por apresentar alguma heterogeneidade discográfica, lembremo-nos do jazzístico 'I din röst' (2006) ou do natalício sinfónico 'Rimfrostjul' (2008). Desta vez, logo aquando do lançamento do primeiro single, 'Tidlös Tid', houve fortes indícios de que Charlotte nos preparava para algo pop mas com inspirações nos cânones à storyteller, um disco que poderia (ou pode) dar origem a um espectáculo singular do género Charlotte and Friends ou An evening with Charlotte. O segundo single, 'Lilla du', ratifica a intenção do primeiro lançamento e com o terceiro single, 'Här Hos Dig', somos serpenteados por um universo folk pop, reafirmando o propósito de Charlotte Perrelli em oferecer um registo independente em relação ao seu passado.

A prova de fogo foi, no entanto, prestada ao vivo e em direto, para milhões de telespetadores, com aquele que, para além de ser o quarto single, iria também dar o nome ao álbum. 'Mitt liv' foi uma das sete canções concorrentes na primeira semi-final do Melodifestivalen 2017. Não passou à fase seguinte, mas a estrela sueca sempre afirmou que o principal objetivo não era chegar à Eurovisão, embora admita que adoraria voltar à competição europeia. Enquanto isto não acontecesse, ficamos com o novo álbum da única artista que, nos últimos 20 anos, conseguiu representar a Suécia em duas ocasiões e que, na passada noite de 13 de maio, estava a em directo, nas suas redes sociais, a torcer por…. PORTUGAL!

Charlotte Perrelli no Melodifestivalen com Mitt liv:


Tema destacado por Carlos Carvalho: (o 3.º single)


"Spår i sanden" (o 5º single) ao vivo em ‘Nyhetsmorgon’ :


A ver: Charlotte Perrelli: 'I would love to go to Eurovision again!' :



Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: OPINIAO CARLOS CARVALHO / Imagem: GOOGLE / Vídeo: YOUTUBE

0 comentário(s):

Enviar um comentário

Temas em Destaque

 
Top