A cantora Dulce Pontes, que recentemente editou o duplo CD "Peregrinação", tem agendado um conjunto de concertos na Europa com o compositor italiano Ennio Morricone, que conheceu no Festival Eurovisão em 1991 e com o qual colaborou no album "Focus".

Os dois primeiros concertos de Dulce Pontes com o maestro Ennio Morricone estão agendados para a Arena de Verona, no nordeste de Itália, nos dias 30 e 31 de agosto. Os nove concertos agendados até dezembro inserem-se na digressão mundial comemorativa dos 60 anos de carreira de Morricone, de 89 anos de idade, e na qual a cantora portuguesa já se apresentou no passado mês de fevereiro, na O2 Arena de Praga, com a Orquestra Sinfónica Nacional Checa. Dulce Pontes conheceu Ennio Morricone no Festival Eurovisão da Canção de 1991, sediado em Roma. A relação de ambos nunca mais parou, culminando na edição do álbum "Focus", em 2003. Nesse álbum, Dulce Pontes gravou várias canções de Morricone, a par de originais compostos propositadamente para a sua voz.

Entretanto, a cantora portuguesa também estará no Centro Cultural de Viana do Castelo a 26 de agosto e no Coliseu do Porto a 11 de outubro. 

Agenda de concertos de Dulce Pontes com Ennio Morricone:

30 e 31 de agosto – Arena di Verona, Itália bilhetes
19 de setembro – Rotterdam Ahoy, Roterdão, Holanda bilhetes
23 de setembro – 3Arena, Dublin, Irlanda bilhetes
14 de outubro – Atlas Arena, Lodz, Polónia bilhetes
16 de outubro – O2 Arena, Praga, República Checa bilhetes
18 de outubro – Pap László Budapest Sportaréna, Budapeste, Hungria bilhetes
1 de dezembro – Unipol Arena, Bolonha, Itália bilhetes
2 de dezembro – Mediolanum Forum, Milão, Itália bilhetes





Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: RTP, ESCPORTUGAL / Imagem: GOOGLE / Vídeo: YOUTUBE

3 comentário(s):

  1. Anónimo23:09

    A Dulce com essa orquestra toda...tão bonito! Poderosa voz :) e arrepiante algumas partes

    ResponderEliminar
  2. Anónimo01:46

    E são artistas como ela a que Portugal continua a não dar o devido valor... só ficou em 8º lugar na Eurovisão e não trouxe de lá um caneco...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ricardo Alves07:35

      Estas enganado. Portugal da lhe muito valor. A prova são os concertos que dá nas principais salas do país sempre cheias

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top